Home » Meio Bit » Android e Linux » Android 7.0 Nougat vai introduzir novas proteções contra root

Android 7.0 Nougat vai introduzir novas proteções contra root

O fim da Festa da Uva? Android 7.0 Nougat terá segurança reforçada contra root, que pode inclusive impedir o boot em caso de acesso indevido.

3 anos atrás

android-7-0-nougat

O Android 7.0 Nougat está batendo na porta, e vem trazendo diversas novidades para os usuários do robozinho cujos dispositivos forem elegíveis para o update. Quem possui aparelhos mais velhos terá que se resignar a comprar outro gadget ou apelar para as ROMs customizadas, que frequentemente conferem um pós-vida a dispositivos perfeitamente utilizáveis mas que morrem cedo, por não receberem mais updates.

Só que isso vai mudar: o Google está reforçando a segurança do sistema e irá dificultar a vida de quem faz root em seus aparelhos.

Em uma postagem recente do Android Developers Blog, a empresa esclareceu alguns dos aspectos de segurança da nova versão do sistema e volou a bater na tecla do boot verificado, introduzido na versão 4.4 KitKat. Originalmente a função só fazia checagem nos arquivos de sistema e verificava se estava tudo nos conformes, com as configurações de fábrica mantidas de modo a assegurar que o Android não foi mexido. Na versão 5.0 Lollipop o robozinho passou a emitir alertas, que foram repaginados no 6.0 Marshmallow. Em caso de intrusão o aparelho exibia uma tela informando a gravidade da situação, mas de qualquer forma tudo podia ser contornado.

Podia, bem explicado. O Android 7.0 Nougat trará regras mais rígidas a respeito do boot verificado, uma vez que o sistema detecte que a imagem do sistema foi corrompida (ou alterada) o boot é interrompido. Será oferecida aos usuários a possibilidade de iniciar um modo de capacidade limitada para que eles não fiquem com os smartphones completamente inutilizáveis, o que é importante em casos de corrupção genuína do sistema.

Só que essa nova medida visa não só barrar softwares não-homologados e alternativas de root no Android, como também irá dificultar e muito a instalação de ROMs customizadas em Androids mais antigos. Além de termos alguns aparelhos mais blindados (que recusam root), um cenário onde o robozinho não permitirá a intrusão e substituição de uma imagem original por outra a fim de dar uma sobrevida a aparelhos abandonados (o motivo pelo qual o CyanogenMod é tão popular) irá, caso não seja possível contornar causar muitos problemas a quem depende das ROMs.

Só teremos certeza de quão sólidas serão as defesas do novo Android quando os novos aparelhos com o Nougat forem lançados. Um cenário onde o CyanogenMod e similares não poderão mais ser utilizados pode ser tudo o que os fabricantes queriam para forçar ainda mais a obsolescência programada do sistema, mas é fato que os desenvolvedores independentes irão odiar a medida, e farão de tudo para vencer essa barreira. Aguardemos.

Fonte: Android Developers Blog.

relacionados


Comentários