Home » Games » Games para PC » E3 2016 | Programa da Microsoft unificará PC e console

E3 2016 | Programa da Microsoft unificará PC e console

Microsoft anuncia o Play Anywhere, um programa que nos permitirá jogar no PC ou no Xbox One os jogos que tivermos comprado apenas uma vez.

3 anos e meio atrás

play-anywhere

Uma das novidades mais interessantes apresentadas pela Microsoft na edição deste ano da E3 atende pelo nome Play Anywhere. Com ela teremos a possibilidade de adquirir jogos para o Xbox One e os acessarmos de forma gratuita no PC (e vice-versa), medida que por enquanto conta com um pequeno número de títulos, mas que em breve deverão ganhar a companhia de outros.

Os garantidos são os seguintes:

  • Forza Horizon 3
  • Gears of War 4
  • Halo Wars 2
  • ReCore
  • Scalebound
  • Sea of Thieves
  • State of Decay 2
  • We Happy Few

Com isso a empresa dá continuidade a algo que já havia acontecido com o lançamento do Quantum Break e de acordo com o responsável pela divisão Xbox, Phil Spencer, o plano agora é fazer com que todos os títulos publicados por eles apareçam nas duas plataformas, o que por sua vez significa que o Xbox One não receberá mais exclusivos.

Além de só precisarmos comprar tais jogos uma vez, o Play Anywhere também fará com que  as conquistas sejam unificadas, assim como o compartilhamento dos saves, já que poderemos por exemplo começar a progressão no PC e terminá-la no Xbox One. Por fim, as partidas entre plataformas deverá se tornar um recurso padrão, embora não tenha sido dito como funcionará aqueles títulos onde o teclado e mouse poderão se transformar numa vantagem.

O problema por enquanto é que por mais promissora que a novidade possa parecer, a Microsoft precisa urgentemente fazer com que alguns dos seus jogos funcionem melhor no PC, como por exemplo o Gears of War Ultimate Edition e o próprio Quantum Break. Caso contrário, de nada adiantará nos oferecer a possibilidade de jogá-los por lá.


XboxBR — Xbox Play Anywhere - Qualquer lugar é um ótimo lugar para jogar!

Leia também:

relacionados


Comentários