Home » Ciência » Energia » Noruega quer banir carros a combustão interna até 2025 e isso é pura hipocrisia

Noruega quer banir carros a combustão interna até 2025 e isso é pura hipocrisia

Yay os bichinhos estão salvos, a Noruega que banir até 2025 todos os veículos com motores de combustão interna. Lindo e fofo, certo? Não. Como sempre não é tão simples e há um ponto onde essa idéia no caso é extremamente hipócrita.

3 anos atrás

5rWk5aK

Uma das maiores dificuldades de quem estuda ecologia a sério é se distanciar do pessoal que adora um hype, adora pagar de consciente na hora do planeta mas faz como um grupo de retardados que saiu, de carro com megafone gritando pras pessoas apagarem a luz. 

Todo mundo quer soluções rápidas e mágicas, e vilões bem-definidos. A paranóia com energia nuclear é um bom exemplo. As usinas atuais são bem seguras, a ponto de nem o Brasil conseguir fazer caca com duas funcionando, mas poderiam ser bem melhores se não houvesse uma histeria pública fomentada por grupos ecológicos e apoiadas por gente que não entende o imenso impacto ambiental causado por uma hidroelétrica.

A eletricidade aliás é a bala mágica, mas ninguém se preocupa em saber de onde ela vem. Hoje um Tesla faz mais sentido no Brasil do que nos EUA, nossa eletricidade é hidroelétrica, a deles é essencialmente termoelétrica. O hipster tira onda com seu Tesla que queima carvão pra carregar a bateria.

Por isso a decisão da Noruega em banir carros com motores de combustão interna depois de 2025 não faz sentido. É pura demagogia. O custo energético de trocar toda a frota é altíssimo, e o impacto total será mínimo. Pombas, é um país de 5 milhões de pessoas.

Mais ainda: a longevidade dos carros elétricos por lá é péssima. Baterias não gostam de frio. Dependendo da faixa de temperatura chegam a perder quase 40% da capacidade. Seu carro terá que trocar a peça mais cara em 3 anos, e acredite não é nada ecológico fabricar baterias.

Claro que não soa “verde” você ir na televisão e dizer que a frota do pais tem que usar o combustível mais adequado a sua realidade, quem for na TV falar que o Brasil faz mais sentido com álcool do que com Teslas será apedrejado, mesmo isso sendo verdade.

No caso da Noruega faz muito mais sentido uma eletrificação total da frota de transporte público, e migração da frota particular para diesel, mas aí o Greenpeace não gosta.

O pior de tudo é que essa história toda, que agora já mudou de banimento para “meta” é pura total e completa demagogia. Veja a carteira de exportações da Noruega:

noruega

Isso, 59% das exportações deles são de petróleo e derivados. Ou seja: eles se acham bastiões morais da ecologia salvando o planeta proibindo carros comuns no país enquanto faturam horrores vendendo o sangue negro do capitalismo (ou esse era a Coca-Cola?).

Se a Noruega quisesse ajudar mesmo era só parar de explorar petróleo, mas aí o buraco é mais embaixo, não é, 5º maior exportador de petróleo do mundo?

Fonte: Mashable.

relacionados


Comentários