Telegram amplia limite dos supergrupos para cinco mil usuários

telegram

Na noite do último domingo, o Telegram liberou uma atualização do app para dispositivos móveis cuja principal novidade foi a ampliação do número de participantes dos chamados supergrupos de mil para cinco mil. Isso mesmo, 5.000 pessoas poderão participar de um único grupo. Para fins de comparação, o WhatsApp ampliou, nos últimos dias e sem qualquer anúncio, o limite para 256 usuários por grupo.

A novidade não ficou restrita ao número de participantes dos supergrupos. A partir da versão 3.7.0, todos os grupos poderão ser transformados em super e, assim, contar com funcionalidades exclusivas como a possibilidade de fixar/pinar uma mensagem importante, excluir mensagens que deixarão ser ser visualizadas por todos os usuários, excluir todas as mensagens de um determinado usuário.

telegram-v-3-7

Há alguns dias, comentava, no Twitter, sobre uma situação incômoda que eu estava vivenciando. Em um grupo criado pela turma da faculdade, com apenas 23 membros, em menos de 24 horas, mais de 400 mensagens não lidas já se acumulavam. Obviamente que não preciso a dizer, a vocês, que uns 95% (sendo cauteloso) das mensagens não tinham absolutamente nada a ver com a vida acadêmica e/ou poderiam ser tratados de forma particular entre os participantes. A imagem do tweet abaixo não me deixa mentir.

Já deixei de participar de alguns grupos exatamente pela inexistência de foco. Em outros casos, como no do grupo da faculdade, fui obrigado a silenciar as notificações para não sair do sério. Mas, ao mesmo tempo, participo de grupos que variam entre 20 e 40 membros nos quais as trocas de mensagens sempre são sobre o foco do grupo e fica super fácil de lidar com elas.

Mas, para não ficar apenas na minha opinião, resolvi fazer uma pesquisa com o pessoal do Twitter e não fiquei nada surpreso. Para 58% dos usuários, um grupo com até 50 usuários está mais do que bom. Para 12%, até 250 membros é um número aceitável. Para 4%, 1.000 é um bom de usuários por grupo. Os outros 26% são fãs do Buzz Lightyear.

Além das respostas da enquete, algumas pessoas responderam o tweet com perguntas do tipo não tem opção de até 10 pessoas. Acho que até 50 é um número bem razoável e administrável, desde que o grupo não perca o foco no seu objetivo. E, para vocês, qual é um número aceitável de membros em um grupo?

Relacionados: , , , , ,

Autor: Ricardo Fraga

Mineiro de Juiz de Fora, é amante de tecnologia. Jornalista por vocação e em formação, foi editor do Google Discovery e, atualmente, escreve sobre tecnologia no TechTudo e Meio Bit.

Compartilhar