Home » Games » Descoberto menu secreto nos primeiros Mortal Kombats

Descoberto menu secreto nos primeiros Mortal Kombats

Jogador mostra em vídeo como são os menus secretos dos primeiros Mortal Kombats que só foram descobertos recentemente.

4 anos atrás

mortal-kombat

O mundo dos games está repleto de histórias de títulos que conseguiram guardar alguns segredos por muitos e muitos anos e um dos últimos a ser descoberto pertence às versões arcades dos três primeiros Mortal Kombats.

Especializados em encontrar conteúdo oculto em jogos eletrônicos, no final do ano passado o site The Cutting Room Floor revelou a existência do EJB Menu, um menu de debug que provavelmente foi nomeado por um dos designers da série, Edward J. Boon, e onde temos acesso a diversas partes que não estão disponíveis de outra forma.

Por lá podemos por exemplo ver as telas com os finais dos personagens, alterar as iniciais no placar e no caso do Mortal Kombat  3, até assistir os fatalities de cada lutador ou desbloquear o personagem Smoke. Por este menu ainda é possível iniciar o Rellim Ohcanep, um joguinho no estilo do Galaga cujo nome veio de Penacho Miller, uma auto-homenagem criada por Greg Miller e Gary e Mark Penacho, membros da equipe que trabalhou nos jogos.

Então, para comprovar que os códigos funcionam mesmo, um usuário do site Test Your Might resolveu ligar seus fliperamas e registrar tudo, o que pode ser conferido no vídeo abaixo.

Já para aqueles que tenham acesso a tais máquinas e estejam interessados em fuçar um pouco nas entranhas dos jogos, o procedimento necessário é bem simples, exigindo apenas que apertemos os seguintes botões de bloqueios nos respectivos games.

  • Mortal Kombat
    P1 (5x), P2 (10x), P1 (2x), P2 (1x), P1 (2x), P2 (3x), P1 (4x)
  • Mortal Kombat 2
    P1 (5x), P2 (10x), P1 (2x), P2 (8x), P1 (2x)
  • Mortal Kombat 3 / Ultimate Mortal Kombate 3
    P1 (5x), P2 (10x), P1 (3x), P2 (1x), P1 (2x), P2 (2x), P1 (3x), P2 (4x)

Pronto, agora basta encontrar um fliperama e da forma mais fácil possível colocar o seu nome no topo do placar. Só é uma pena não terem descoberto isso há uns 20 anos, pois assim eu teria finalmente conseguido me tornar o rei do bairro em que morava.

PS: destaque para os sprites não utilizados que o pessoal do The Cutting Room Floor encontrou nos jogos.

Fonte: Eurogamer.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários