Home » Mobile » Especial » CES 2016 — primeiras impressões do Blade Stealth e do dock para GPU Core

CES 2016 — primeiras impressões do Blade Stealth e do dock para GPU Core

Confira nossas primeiras impressões do ultrabook Razer Blade Stealth e seu dock externo para placas gráficas, o Core.

3 anos atrás

razer_blade_stealth_e_core

O Dori já falou do Blade Stealth, o primeiro ultrabook criado especialmente para gamers com o dock Core, mas como eu conheci ele pessoalmente no stand da Razer, queria passar minhas primeiras impressões.

Sendo tão leve e fino (apenas 1,24 kg e com espessura de 1,32 cm), o Blade Stealth não parece ter uma configuração bem poderosa, com processador Intel Core i7, 8 GB de RAM e SSD de até 512 GB; mais a tela sensível ao toque de 12,5 polegadas com resolução UHD (3.840 × 2.160) ou QHD (2.560 × 1.440 pixels), dependendo do modelo. O teclado Chroma tem iluminação traseira e até 16,8 milhões de cores em cada tecla.

razer_blade_stealth_e_core_2

O grande destaque do Blade Stealth é mesmo o Core, pois o dock para placa de vídeo promete transformar a experiência de jogar no ultrabook em algo mais próximo de um desktop (a GPU será vendida separadamente, é claro). O Core se conecta ao Blade Stealth pela porta Thunderbolt 3, e tem suporte a plug and play (com placas compatíveis), quatro portas USB 3.0 e uma porta Ethernet. A única conexão entre o ultrabook e o dock é a USB-C. O dock também tem luzes coloridas Chroma em dois pontos, na parte de baixo da frente e na lateral, dando destaque para a GPU.

O Blade Stealth vai custar US$ 999 pela versão QHD e US$ 1.599 pela versão UHD, mas o dock Core ainda não teve seu valor informado pela Razer. Saiba mais sobre o Blade Stealth e o Core.

O MB viajou para a CES a convite da Asus.

relacionados


Comentários