Joss Whedon e Marvel: a emoção acabou

joss-whedon-avengers

Desde que Joss Whedon andou reclamando das pressões que vinha sofrendo por parte da Marvel Studios acerca de seu trabalho muita gente desconfiava que não demoraria muito para o diretor dos bem-sucedidos filmes dos d’Os Vingadores pular fora do barco. Bom, dito e feito: durante um evento na Universidade de Oxford o diretor confirmou que vai se afastar por um tempo e que não pretende voltar a se envolver com novas produções da Marvel.

De todos os diretores envolvidos na produção do MCU, Whedon conseguiu o que mais deu retorno financeiro à Marvel e consequentemente, à Disney. Os dois filmes dos Vingadores foram campeões de bilheteria, os mais rentáveis do universo interligado que o estúdio criou para as telas e por causa disso, Whedon acabou se tornando o conselheiro de tudo relativo à fase 2 dos cinemas, bem como ficou a cargo de bolar a série Agents of S.H.I.E.L.D., que ficou a cargo posteriormente do casal Jed Whedon e Maurissa Tancharoen, respectivamente seu irmão e cunhada. Entretanto, diferenças criativas sobre o que transpor do cinema para a TV e vice-versa estavam cansando o diretor.

Basicamente a Marvel deseja que tudo seja interligado para aumentar o consumo de todos os materiais relativos a suas produções, enquanto Whedon e a maioria dos diretores prefere realizar trabalhos separados que não dependam de 527 episódios de séries para entender porque o Capitão América e o Homem de Ferro estão batendo cabeça em Guerra Civil.

Em todo caso, quando A Era de Ultron estava perto de sua fase final a Marvel deslocou Whedon para cuidar somente dele, o Whedon afirma no Q&A realizado na universidade como uma indicação para ele de que era hora de parar. Assim, o diretor chegou à conclusão que não dá mais, se desligou de forma amigável e vai se afastar dos blockbusters por um tempo, pretendo fazer algo menor.

Whedon não reclama, entretanto:

Trabalhei cinco anos com Os Vingadores e Agents of S.H.I.E.L.D. Recebi carta branca para fazer o que quisesse e alguns milhões de dólares, foi um presente e tanto. Ao mesmo tempo é importante para mim ter algo meu e realizar um projeto menor, antes que eu comece a me repetir.

A tocha de comandar os rumos do MCU agora foi passada para os irmãos Russo, que fizeram um excelente trabalho em Capitão América: O Soldado Invernal e que tem tudo para repetir a dose com Guerra Civil e os dois próximos filmes d’Os Vingadores, Guerra Infinita Partes 1 e 2. Sobre o dedo da Marvel querendo interligar tudo… bem, é algo que não dá para evitar. Só esperemos que os filmes futuros sejam aventuras por si só e que não exijam background extra, sob risco de gerar repulsa em quem não assiste nada além dos filmes.

Fonte: Uproxx.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar