Home » Mobile » Fracasso? Apple Watch abocanha 80% do market share de smartwatches

Fracasso? Apple Watch abocanha 80% do market share de smartwatches

Esmagador: graças à enorme quantidade de smartwatches vendidos em pouco tempo, a Apple passa a responder por 80% do lucro do segmento em menos de um ano

4 anos atrás

apple-watch

Há um dito popular que cai como uma luva aqui, que razão a gente dá para quem tem. Neste caso quem está certa é a Apple: por anos a imprensa e a indústria especulou que a maçã lançaria um relógio esperto, e todos correram para lançar seus modelos antes e fazer dinheiro, conquistando o público antes.

A Apple chegou, lançou o Apple Watch e embora ele seja superfaturado por aqui, em geral ele vende como água tal qual todos os produtos de Cupertino, menos que seus primos mas ainda assim esmagou a concorrência facilmente, sem dar nenhuma chance.

A Apple ainda não soltou os números oficiais, mas as estimativas indicam que o reloginho esperto da maçã teria vendido mais de 7 milhões de unidades nos primeiros seis meses, um número que supera os totais de todos os concorrentes juntos nos quinze meses anteriores à divulgação da pesquisa da Canalys, no mês passado. Agora, um conferência realizada para discutir o impacto do Apple Watch no mercado (é sério) teria chegado a algumas projeções interessantes.

De acordo com as análises independentes realizadas pelos diversos institutos de pesquisa, a expectativa é que a Apple venda cerca de 21 milhões de smartwatches no primeiro ano, um número para lá de impressionante mas que eu acho um tanto exagerado a princípio. Isso representaria um lucro de cerca de US$ 8 bilhões para Cupertino, e isso porque ninguém botava fé em relógios inteligentes como um todo, independente de quem lançasse.

Já a estimativa de como o mercado está dividido é um pouco mais realista, se considerarmos a quantidade de Apple Watches que já foi vendida. Segundo os analistas a maçã seria no momento responsável por 80% do market share do segmento, e caso o número de vendas do acessório continue alta daqui para a frente (o que parece ser evidente) a fatia do bolo só vai aumentar, podendo chegar até mesmo ao que acontece com o mercado de smartphones onde ela e a Samsung são as únicas que dão lucro. No caso ela não dividiria os louros com ninguém, e acabaria deixando todas as concorrentes no vermelho.

Nada mal para um segmento que foi desacreditado por todo mundo e como sempre, para mais um iGadget que estava destinado ao fracasso: mesmo os sucessos menores da maçã (o reloginho não vende tanto quanto os iPhones e iPads) contunuam esmigalhando os adversários porque seguem a máxima: vende porque é Apple.

Como eu disse, razão a gente dá para quem tem e Cupertino está certíssima em fazer dinheiro em quem deseja um smartwatch da companhia. Idiota seria se não o fizesse, afinal a missão de qualquer empresa é dar lucro, simples assim.

Fonte: Fortune.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários