Home » Áudio e vídeo » Cabos Ethernet para otários nível Ultimate Pro 9000

Cabos Ethernet para otários nível Ultimate Pro 9000

Existe um ditado que diz: o otário e seu dinheiro logo se separam, mas no caso dos audiófilos isso funciona a jato. Uma boa forma de agilizar essa separação é com cabos da Audioquest, que tem a pachorra de vender “cabos Ethernet para áudio”. Isso mesmo, um cabo de rede que magicamente melhora os pacotes Ethernet com música dentro. Quanto? US$ 10 mil por um cabo de 12 metros…

4 anos atrás

cabodomal

Otário é otário mesmo…

Normalmente não concordo com a atitude de culpar a vítima, mas abro duas exceções: a primeira no caso dos golpes financeiros tipo TelexFree, esquema de cartão de loteria falso e outros que preenchem a regra que todo golpe precisa de dois achando que vão se dar bem. O outro caso são os audiófilos.

Já ouvi que audiófilos não são piores do que novos-ricos que compram Lamborghinis pra andar a 70 km/h na Rio-Niterói, mas não é verdade. Não importa que o cara não use, o potencial do carro está ali, ele tem à disposição toda a potência e tecnologia.

O audiófilo compra um Fiat Uno com adesivo da Porsche colado com cuspe e sai exibindo como se fosse um Ariel Atom ou um DB9.

Os fabricantes por suas vezes adoram inventam novas formas de tirar dinheiro desses otários. Em 2007 escrevi sobre um magnífico bastardo que vendia cabos de força para audiófilos, por US$ 1.800,00. Na mesma matéria falo sobre o teste cego onde audiófilos foram incapazes de diferenciar entre o som transmitido por um cabo caríssimo e um transmitido por um cabide de arame, e cito um cabo Ethernet de US$ 499,00. Pois bem, a inflação foi grande no período.

Agora há um bando de espertos vendendo cabos de rede de 8 metros por US$ 5.494,95. Como? HDMI? Tem também, 16 metros, TREZE MIL DÓLARES.

O tal cabo Ethernet, que na versão de de 12 metros custa US$ 10 mil é uma enorme piada para quem entende um mínimo de tecnologia digital. Eles dizem ser especialmente projetados para transmissão de sinais sonoros sem distorção, mas os sinais “sonoros” são apenas sinais digitais dentro de pacotes Ethernet, que já contam com paridade e outros métodos de correção de erro, não existe distorção em uma conexão Ethernet, zero. Não tem como.

“ah mas o cabo capta sinais eletromagnéticos e isso transmite distorção pro resto dos circuitos”

Não, primeiro por design o sinal do cabo Ethernet não tem conexão direta com o resto do circuito, há um transformador no meio. Segundo, existe algo chamado aterramento e todo sinal espúrio vai embora por ali. A menos que você esteja em Zion e alguém tenha acionado um gerador de pulso eletromagnético, sua placa-mãe vai sumir com qualquer interferência. Aliás seu celular perto do PC afeta muito, muito mais que qualquer coisa que venha pelo cabo.

A piada final, desses cabos vendidos como solução para ligar HDs externos à sua rede é que eles tem… polaridade. Isso mesmo, para tornar mais “sofisticada” a marmotagem inventaram agora que cabos têm posição certa, uma ponta no HD externo, outra no PC / Roteador. E eles fazem isso direto, veja um cabo HDMI deles:

41bLRtIEbLL._SY355_

Fonte: Ars Technica.

Leia também:

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários