Home » Games » Games para PC » Série Dark Souls chega a 8,5 milhões de cópias vendidas

Série Dark Souls chega a 8,5 milhões de cópias vendidas

From Software revela que a série Dark Souls ultrapassou a marca de 8,5 milhões de cópias vendidas, mas deixa a dúvida: tal número deve ser comemorado ou lamentado?

4 anos atrás

dark-souls

Tendo recém-anunciado seu terceiro capítulo, a From Software anunciou que a série Dark Souls acaba de ultrapassar a marca de 8,5 milhões de cópias vendidas, número que sinceramente não sei se deve ser comemorado ou lamentado.

Começando pelo o que me me assusta na marca, é importante dizer que o total é referente as quatro edições do jogos que já foram disponibilizados até agora, sendo elas o primeiro Dark Souls e o Prepare To Die Edition, além do Dark Souls II e do Scholar of the First Sin. Ou seja, estamos falando de vários títulos que apareceram em diversas plataformas e que venderam uma quantidade menor do que muitos exclusivos.

Além disso, eu não sei qual é o custo de produção de um jogo da série, mas depois de me aventurar pelo gigantesco mundo do DS2, a impressão que tive é de que a From Software deve ter tido um trabalho descomunal para criar tudo aquilo, o que consequentemente deve significar um belíssimo investimento.

Isso é o que me faz ver com um certo desânimo a informação de que o Dark Souls II vendeu apenas 2 milhões de cópias, número pouco superior as 1,7 milhão de unidades vendidas do Demon’s Souls, este exclusivo do PS3. Já em relação ao Scholar of the First Sin, no PlayStation 4 e no Xbox One o jogo só vendeu 530 mil unidades.

Por outro lado, é muito bom ver que um game com uma dificuldade tão elevada, sem os gráficos mais bonitos do mundo e que muitos considerariam como de nicho não esteja sendo considerado um fracasso comercial, algo que me parece claro devido a confirmação do Dark Souls III.

O que muitas pessoas dentro da empresa devem estar pensando neste momento é sobre como repetir o sucesso do primeiro jogo, que sozinho foi responsável por cinco milhões de todas as cópias vendidas. O curioso é que tal jogo poderia ter sido exclusivo das plataformas da Sony caso a empresa não tivesse desistido da localização do Demon’s Souls para o ocidente, o que acabou abrindo espaço para uma aproximação entre a desenvolvedora e a Namco.

Fonte: GameInformer.

relacionados


Comentários