Home » Engenharia » BREAKING NEWS: nave russa com GRAVES problemas em órbita

BREAKING NEWS: nave russa com GRAVES problemas em órbita

Houston, digo, Moscow, temos um problema. A Progress, que decolou hoje cedo rumo à Estação Espacial Internacional deu chabu. Abriu os painéis solares mas depois disso não teve nenhuma comunicação, não responde a comandos, não liga, não manda zapzap… e está girando descontrolada. Ao menos o vídeo é legal.

5 anos atrás

debris-gravity

Existe uma ilusão de que existe rotina no espaço. Não existe. Estamos lidando com milhares de variáveis, uma quantidade absurda de energia e na melhor das hipóteses você é um idiota sentado na ponta de um prédio de 15 andares com centenas de toneladas de combustível altamente explosivo, e alguém acende a ponta de baixo.

Mesmo a tecnologia pé-de-boi russa, altamente confiável é sujeita a falhas, e foi o que aconteceu com a Progress M-27M/59P, lançada ontem com sucesso, veja:

SpaceVids.tv — Launch of Progress M-27M on Russian Soyuz 2-1A

Quer dizer, o lançamento foi um sucesso, após entrar em órbita a Progress abriria os painéis solares, esticaria as antenas, re-pressurizaria o sistema de propulsão e iniciaria uma série de manobras para em 4 horas chegar na Estação Espacial.

1280px-Progress_M-52

Infelizmente algo deu errado. Os painéis solares abriram corretamente, mas a telemetria não indicou a abertura das antenas, nem a pressurização do sistema de propulsão, nem nada. Pior, a Progress não aceitava mais comandos de solo.

Eu falei pior? Não, pior é que ela está girando sem controle.

Justin Ray — spinning

Moscow não têm uma rede de satélites dedicados às Soyuz e Progress, então só conseguem se comunicar com as naves quando estão sobre território russo. Eles tentaram enviar comandos por quatro passagens orbitais, mas não obtiveram retorno da nave.

Essa Progress estava levando 2.768 kg de suprimentos para a Estação, incluindo comida, roupas, água e combustível. Com a explosão da Cygnus e do Antares, ano passado. Veja a tabela de disponibilidade de alguns suprimentos:

CDsQOrTXIAAUDBR copy

Se não receberem mais suprimentos os estoques de comida entrarão na reserva em 5 de julho, e se esgotarão em 18 de agosto, aí provavelmente aderirão ao canibalismo.

A Roscosmos tentará novo contato nessa quarta-feira, quando a Progress entrar de novo em alcance, mas mesmo que consigam recuperar o controle, a menos que todos os diagnósticos imagináveis sejam feitos, não deixarão a nave chegar perto da ISS. Ninguém quer uma repetição de 1997, quando uma Progress se estabacou na MIR, causando bastante dano.

Eureka — Progress M-34 collides with Mir

Caso consigam controle, mesmo que decidam por não prosseguir com a missão poderão executar uma reentrada controlada sobre o oceano, já na situação atual ninguém sabe quando e onde a Progress irá cair, mas sempre podemos esperar que o Paulo Ricardo esteja no lugar certo na hora certa.

Leia também:

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários