Home » Destaques » Google dá início ao Mobilegeddon. Seu site está preparado?

Google dá início ao Mobilegeddon. Seu site está preparado?

Hecatombe mobile: Google muda o algoritmo de buscas e passa a privilegiar sites preparados para navegação móvel em resultados para smartphones e tablets

4 anos atrás

boom

No dia 26 de fevereiro o Google deu um aviso nada agradável: ele iria mudar o algoritmo de buscas de forma a privilegiar em smartphones sites que fossem “mobile friendly”, isto é, privilegiaria domínios melhor preparados para receber visitantes utilizando dispositivos móveis.

Nesta terça-feira a mudança entrou em atividade, e o impacto que ela causará entre aqueles que não se adaptaram (e são muitos, tenha certeza) ganhou um justo apelido: Mobilegeddon.

exampleAinda que o movimento venha a causar problemas para muitos sites eles não podem reclamar: normalmente Mountain View não avisa quando vai mexer no algoritmo e as mudanças só são sentidas quando já entraram em vigor. Desta vez, prevendo que muitos sites perderiam visitantes o Google deu uma colher de chá de dois meses. O motor de buscas já vinha marcando sites preparados para navegação mobile desde o dia 18 de novembro (como você pode ver na imagem de exemplo ao lado), mas eles não recebiam nenhum privilégio nos resultados.

Isso agora acabou. A partir de hoje, se você possui um site que não conta com versão mobile, que está atochado de elementos em Flash, que não permite uma melhor visualização do texto sem zoom e não posiciona seus links de forma amigável para ser aberto em smartphones e tablets vai perder sim visitantes, já que ele será jogado para trás na fila. As etiquetas que identificam os sites amigos passam a ser utilizados como uma ferramenta de ranking. Claro, nada muda para quem realiza buscas no desktop, mas considerando o crescimento do mercado mobile e a lenta morte dos PCs, é fato que o estrago será gigantesco.

O Google entretanto não soltou a bomba e deixou todo mundo correr, mas ofereceu ferramentas para ajudar desenvolvedores web a melhorarem seus sites. Neste link você encontra um guia bem completo, contando inclusive com uma ferramenta de testes que retorna na hora se seu site está adaptado para o mobile ou não.

Eu sei que dois meses pode parecer pouco tempo, mas em situações normais o Google mudaria os parâmetros e todos ficaríamos sabendo só quando fosse tarde demais. Eu acredito que houve tempo para todos se adaptarem (a mudança é global) e por mais cruel que seja, quem não entrar nos eixos vai dançar. Sad but true.

relacionados


Comentários