Home » Indústria » Microsoft lança dev kit para criar apps universais do Windows 10

Microsoft lança dev kit para criar apps universais do Windows 10

Desenvolvedores e curiosos já podem começar a criar os apps universais do Windows 10 com novas ferramentas liberadas esta semana pela Microsoft

4 anos e meio atrás

windows-10

Um dos grandes atrativos do Windows 10 para os desenvolvedores é algo que a Microsoft tentou introduzir antes mas não deu muito certo: a possibilidade de escrever um app uma única vez e ele rodar em diversas plataformas, do desktop a dispositivos mobile. E agora usuários curiosos e devs terão a chance de fazê-lo com o lançamento das ferramentas próprias para tal.

A Microsoft liberou no início dessa semana as ferramentas de desenvolvimento e o Tech Preview do Visual Studio 2015, e com eles membros do programa Insider poderão começar a escrever seus próprios apps que funcionarão em qualquer plataforma Windows — para desktop, Windows Phone, tablets e Xbox One. Em uma postagem, o gerente de produtos da plataforma de desenvolvimento Windows Cliff Simpkins falou um pouco sobre as novidades.

Com a Adaptative UX, os desenvolvedores poderão construir uma única interface gráfica que se adequará a qualquer tamanho de tela, já com os User Controls o app poderá determinar que tipos de input estão sendo utilizados pelo usuário, se teclado, mouse ou tela touch e faz com que o app responda de acordo. Simpkins explica também que o API Contracts se encarrega de ler e determinar quais recursos de hardware estão disponíveis, evitando a chamada de funções desnecessárias (já que estamos falando de um app escrito só uma vez e que rodará em várias plataformas, isso é essencial).

O bom disso tudo é que esse é o paraíso para muitos desenvolvedores, principalmente aqueles que evitam o Windows Phone pela plataforma não ter muitos usuários: não é preciso mirar no mobile, pode-se criar um aplicativo que atenda tanto a usuários em smartphones quanto em desktops (até mesmo no videogame), especificar como ele se comportará em cada dispositivo e pronto, uma atualização liberada afetará todas as plataformas simultaneamente. E claro, a experiência será uniformizada do lado do usuário — mesmos recursos, mesma interface etc.

É bom lembrar que a Microsoft não está forçando a criação de apps universais, apenas oferecendo uma alternativa. Aos interessados basta acessar este link, lembrando que é preciso se inscrever no programa Windows Insider e ter a última build do Windows 10, no caso a 10041.

Fonte: Windows Blog.

relacionados


Comentários