Alunos da Cidade de Deus vão controlar missão em Marte

curiosity

A gente sabe que conhecimento é uma mercadoria que muita gente não tem acesso, principalmente em países pobres e em desenvolvimento como o Brasil. Muitas crianças, por diversos fatores não recebem incentivos na educação o suficiente para abrir seus horizontes e buscar algo mais do que soluções imediatas, se bem que é difícil se concentrar nos estudos quando muitos não têm o que comer.

Nosso sistema educacional não é muito justo, muitos dos que conseguem entrar numa universidade são os que os pais puderam bancar os estudos, embora os projetos assistenciais do governo venham mudando esse quadro nos últimos anos. Mas é importante oferecer programas que atraiam a atenção das crianças e os estimulem a estudar. É o que o programa Mars Academy pretende fazer com estudantes da comunidade Cidade de Deus, no Rio de Janeiro.

O projeto, idealizado por quatro cientistas e um cineasta visa expor crianças de uma comunidade carente a um programa que eles não teriam acesso por vias normais: eles passarão duas semanas na favela carioca junto à escola mantida pela Developing Minds Foundation, apresentado a ciência da NASA através de experimentos práticos e de viagens de campo à Amazônia e à costa brasileira, utilizando drones, simuladores e robôs subaquáticos para aprender sobre seu lugar no universo e a busca por vida fora da Terra, de olho no nosso mais promissor vizinho, Marte.

Armados com o conhecimento e com a curiosidade estimulada, as crianças da comunidade passarão os últimos dois dias do programa desenvolvendo um projeto para a HiRISE, a super câmera digital que já capturou imagens impressionantes do planeta vermelho. Os alunos controlarão o equipamento rumo a uma área ainda não mapeada de Marte e farão imagens, e dessa forma estarão contribuindo de forma significativa para a exploração espacial. Todo o programa será filmado e no fim virará um documentário.

Claro que um projeto desses precisa de dinheiro, por isso o pessoal da Mars Academy abriu um Kickstarter onde pedem US$ 30 mil, uma ninharia se avaliarmos os benefícios que o programa trará para as crianças da Cidade de Deus. Há diversas recompensas, desde canecas, café e camisetas como uma cópia da imagem que as crianças farão de Marte, um sketch do projeto, um kit do robô submarino OpenROV e até um tour pelos laboratórios da JPL na NASA.

Eu acredito que um projeto desses merece ser financiado e expandido para mais crianças carentes, a fim de permitir que mais delas possam ver que sim, é possível aprender, fazer ciência e contribuir com pesquisa espacial, e estimulá-los a perseguirem um futuro brilhante. É o que todos queremos.

Fonte: KS.

Relacionados: , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples