Home » Internet » Twitter agora exige telefone de quem usa Tor

Twitter agora exige telefone de quem usa Tor

Quem diria, logo o Twitter, que liga tão pouco pra quem usa de forma errada seus serviços agora focou atenção nos usuários do Tor. Se você tentar criar uma conta com o serviço de anonimato ativo, será exigido um número de celular para ativar o serviço. Tiranos agradecem.

5 anos atrás

funny-thor-loki-meme-nokia-phone

Apesar do que o ISIS acha, o Twitter é péssimo em lidar com trolls, spammers e maníacos em geral. A ferramenta de reportar abuso é uma piada, não vale o esforço de decolar o Jack Dorsey, mas talvez por pressão governamental estão mirando nos usuários do Tor.

O Tor é um protocolo anonimizador usado por todo mundo, do tarado da esquina ao Snowden. Criado por nerds da Marinha dos EUA, o Tor é uma ferramenta tão boa para disseminar informação subversiva entre governos inimigos, enviar informações de agentes infiltrados e conversar de forma segura com contatos que nem a NSA se esforça realmente para destruí-lo.

Só que isso não quer dizer que ele seja bem-vindo, e o usuário do Tor para o Twitter é mal-intencionado por natureza, então agora estão aplicando o protocolo usado para trolls de último grau: exigem um número de telefone para ativar contas, via SMS.

Normalmente você só é solicitado a fazer isso se for muito, muito chato, criando um monte de contas de spam, abusando de APIs, etc. Não mais. Agora, conforme reporta o TechCrunch, o simples ato de criar uma conta acessando via Tor dispara a exigência, jogando por terra o anonimato da ferramenta, pois é gerada uma trilha de dados para um celular, o que permitirá que governos malvados identifiquem e prendam militantes, revoltados ou não.

Sim, há muita coisa ruim no Tor e na Deep Web, coisas horríveis, mas também há anonimato e privacidade. Se você acha que isso não é importante, ponha-se no lugar de Raif Badawi, blogueiro saudita que cometeu os terríveis crimes de criticar líderes religiosos e praticar apostasia, que é abrir mão de uma religião.

Por isso ele pegou 10 anos de cadeia e 1.000 chibatadas. Agora será julgado de novo e corre risco de ganhar um upgrade para pena de morte.

Sim, ele teria se beneficiado com o Tor. Uma pena o Twitter não perceber que ferramentas não possuem moralidade intrínseca, quem determina isso são seus usuários.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários