Home » Hardware e periféricos » Vendas NPD — janeiro: com Dying Light, PS4 vence Xbox One nos EUA

Vendas NPD — janeiro: com Dying Light, PS4 vence Xbox One nos EUA

NPD Group revela o ranking dos jogos mais vendidos nos Estados Unidos em janeiro de 2015. O destaque é Dying Light, jogo que devolveu a liderança ao PS4.

5 anos atrás

Laguna_Dying_Light_PS4_XBO

Xbox One voltou ao preço normal? PlayStation 4 disse olá, com a ajuda do Dying Light

Enquanto aqui no Brasil o mês de janeiro normalmente possui em seu início algumas das melhores promoções de queima de estoque, lá nos Estados Unidos ele é considerado um mês bastante fraco. Principalmente quando comparamos as vendas físicas com novembro (Black Friday) e dezembro (Natal).

A promoção do Xbox One a 349 dólares acabou dia 4 de janeiro e a versão sem Kinect voltou ao patamar dos 399 dólares. Logo depois, dia 15 de janeiro, a Microsoft voltou a ofertar o console por US$ 349 mas o estrago já estava feito: depois de dois meses em segundo, o PlayStation 4 retorna à liderança da oitava geração no maior mercado de videogames do mundo.

Apesar da vitória do PS4 em janeiro, a base instalada total do Xbox One naquele país está muito próxima de alcançar o console da Sony, algo que torna a disputa bem equilibrada. Infelizmente, para a Microsoft e seus acionistas, ela vai precisar manter artificialmente um preço abaixo do custo.

ARRECADAÇÃO DAS VENDAS DE GAMES NOS ESTADOS UNIDOS
Período →janeiro (2014)janeiro (2015)Diferença
Jogos (em mídia física)US$ 223,2 milhõesUS$ 235,7 milhões+ 6%
HardwareUS$ 239,6 milhõesUS$ 185,5 milhões– 23%
AcessóriosUS$ 199,2 milhõesUS$ 204,6 milhões+ 3%
TOTAL:US$ 662,1 milhõesUS$ 625,7 milhões– 5,5%

·  
Em termos de lançamentos relevantes em mídia física, no dia 20 de janeiro os EUA receberam Motorcycle Club (PS4) e a remasterização Saints Row IV Re-Elected (PS4 e XBO). Uma semana depois, veio o Dying Light (PS4, XBO e PC).

Em janeiro de 2015, Dying Light teve o melhor lançamento para uma nova franquia no gênero survival horror, superando o recorde anterior, The Evil Within, lançado em outubro de 2014.” — Liam Callahan, NPD Group.

A seguir, o ranking de vendas no varejo entre os dias 4 e 31 de janeiro de 2015, de acordo com o NPD Group:

Ranking de vendas nos Estados Unidos em janeiro de 2015 (considerando apenas software avulso vendido em mídia física)

    1. Dying Light (PlayStation 4, XBO, PC);
    2. Call of Duty: Advanced Warfare (Xbox One ,PS4, 360, PS3, PC);
    3. Grand Theft Auto V (Xbox One, PS4, 360, PS3);
    4. Minecraft (Xbox 360, PS3, Xbox One, PS4);
    5. NBA 2K15 (Xbox One, PS4, 360, PS3, PC);
    6. Super Smash Bros. (Wii U, 3DS);
    7. Far Cry 4 (PlayStation 4, XBO, 360, PS3, PC);
    8. Madden NFL 15 (Xbox One, PS4, 360, PS3);
    9. Destiny (Xbox One, PS4, 360, PS3);
    10. FIFA 15 (PlayStation 4, XBO, 360, PS3, Wii, Vita, 3DS).

    ·  
    No quesito hardware, infelizmente não houve vazamentos dos números mais específicos de vendas. A base instalada total do PS4 e XBO nos EUA é quase 60% maior que a soma de Xbox 360 e PS3 após os mesmos 15 meses de vendas. Segue abaixo uma tabela com o que deu para apurar da forma mais oficial possível:

    VENDAS DE HARDWARE NOS ESTADOS UNIDOS
    Plataformanovembro (2014)dezembro (2014)janeiro (2015)
    PlayStation 4895.000 unid1.000.000 unidY
    Xbox One1.282.000 unid1.330.000 unidX
    Wii U242.000 unid580.000 unid63.000 unid
    Nintendo 3DS500.000 unid810.000 unid74.000 unid
    Xbox 360310.000 uniddados indisponíveisdados indisponíveis
    PS389.000 uniddados indisponíveisdados indisponíveis

    ·  
    Y > X; X + Y = 22% das vendas de dezembro (2014), ou seja: seriam apenas 340 mil unidades vendidas dos dois consoles de 8ª geração considerados. Vendas combinadas de Xbox 360 e PlayStation 3 baixaram para 35% das unidades vendidas no mês anterior.

    A base total instalada do Xbox One nos Estados Unidos até 2014 era de aproximadamente 400 mil consoles a menos que o PlayStation 4. Os donos de XBO compram mais jogos físicos por console que os do PS4 nos EUA.

    O tio Laguna acha que o Xbox One teve melhores jogos que o PlayStation e talvez a situação mude em 2015. Será que a Microsoft vai continuar precisando subsidiar seu console para tentar ser líder ao menos nos Estados Unidos? Eles têm dinheiro para queimar, que o diga o Windows Phone frente aos rivais.

    Fontes: Games Industry, Geek Wire, IGN, NeoGAF e Venture Beat.

    Leia também:

    relacionados


    Comentários