Home » Ciência » Espaço » Lembra da briga Rússia/EUA e o embargo dos foguetes? Pois bem...

Lembra da briga Rússia/EUA e o embargo dos foguetes? Pois bem...

Lembra, não tem um ano, quando norte-americanos e russos brigaram feio, separaram os CDs, deram block no Facebook e tudo? Cancelaram as parcerias técnico-científicas, o Putin proibiu a venda de motores de foguetes russos para os Estados Unidos, que por sua vez disseram “a gente nem queria”? Pois é… veja bem…

5 anos atrás

CurranPoster4

É uma característica psicológica da nossa espécie. Somos gregários. Se você montar uma comunidade de misantropos no Facebook vai encher de gente e farão encontros em churrascarias. Em alguns casos isso se torna patológico, como no caso do BBB, onde minutos após o anúncio dos participantes já havia perfil de fã-clube no Twitter e gente discutindo quem era o melhor.

As pessoas se apegam a seus grupos com todas as forças, isso gera brigas ridículas, como Star Wars vs Star Trek, Menino vs Menina, Seu Time vs Todos os Outros, e Coxinhas vs Petralhas só acabou agora que o PT explicou oficialmente que petralha é elogio, tá liberado usar.

O mais divertido é quando países agem como crianças, numa política que chamam de “agitar espadas”. Um bom exemplo foi quando a Rússia resolveu dar uma mordida na Ucrânia e anexar a Crimeia. Nem dá pra culpar, já viu a Natalia Poklonskaya? Putin calculou corretamente que o ocidente não iria se coçar por um pedaço de terra que muda de dono toda hora.

Do lado político claro era preciso mandar cartas em tom bem ríspido, e Elon Musk se aproveitou pra cutucar a concorrência, lembrando que a Orbital usa foguetes com motores russos recondicionados de ICBMs. O desenvolvimento local sairia caro demais, mas e a soberania, orgulho nacional, blá blá blá?

O caso rendeu ação na Justiça, a Rússia por sua vez ameaçou abandonar a Estação Espacial quando o contrato acabar, e no final a decisão veio de Moscow: foram BANIDAS as vendas de motores RD-180 para os porcos capitalistas ianques norte-americanos! Isso foi em março de 2014.

Corta pra janeiro de 2015.

A Rússia anuncia que o bureau NPO Energomash, uma estatal espacial fechou um contrato com a Orbital Sciences Corporation para a venda de SESSENTA motores RD-181.

01-Orbital-Sciences-Corporation-Antares-rocket-NASA-Wallops-Flight-Facility-NASA-photo-posted-on-SpaceFlight-Insider-655x655

Foguete Antares, com o RD-180, que agora será desenvolvido com o RD-181. Os russos também fabricam o antigo RD-171 mas imagino que seja exclusivo pro foguete brasileiro.

A brincadeira vai custar US$ 1 bilhão, e os dois primeiros motores serão entregues em junho já. Os russos lembram que o desenvolvimento do zero de um motor por parte da Orbital custaria US$ 3 bilhões e levaria até 10 anos, então calem a boca e esqueçam que a gente brigou.

No final, melhor pra todo mundo, a tecnologia pé-de-boi dos russos é ultra-confiável, os políticos fizeram sua parte e fora os chiliquentos ninguém lembra mais da Crimeia, das ameaças mútuas e de como era importante defender a soberania contra aqueles gringos malditos, que de qualquer jeito se curvaram às nossas exigências e foram obrigados a comprar/vender os foguetes.

Fonte: Russia Today.

relacionados


Comentários