Home » Áudio e vídeo » Windows Phone: habemus VLC

Windows Phone: habemus VLC

Good News! Saiu o VLC para Windows Phone, finalmente. Bad News: é um alfa safado disfarçado de versão 1.0 e se seu celular não pegar fogo é porque você se irritou com o VLC e atirou o aparelho na parede antes.

4 anos e meio atrás

vlc1

Houve um tempo em que consumir mídia digital no computador era um inferno. Quase chegamos a uma distopia Andy Warrol onde cada vídeo tinha um CODEC próprio. RM, RAM, RA, DIVX, XVID, AVI, MPG, MPA, FLV, MKV, CINEPAD, VFW, WMA, WMV, VP6, VP7, VP8, VPPQP, INDEO 4, INDEO 5, VORBIS, AAC, AAL, IMPALA, FLAC, FAAD, DIRAC, H.264, MJPEG e muitas outras siglas faziam parte do nosso dia-a-dia.

Alguns são codecs, outros formatos, outros containers. Não importa. A gente acabava tomando porta na cara quando queria ver um vídeo, por causa de um adolescente japonês que cismou de encodar um episódio de Yamato com um codec que dava mais 0,002% de compressão e só ele conhecia. No final o jeito era baixar um daqueles pacotes de codecs suspeitos, de sites com mais vírus que a gaveta de calcinhas da Paris Hilton. 

Brincadeira, a Paris Hilton não usa calcinha.

A salvação da lavoura foram programas que incorporavam todos esses codecs, e se viravam para identificar o formato do arquivo. Um dos mais populares é o VLC, que toda vídeo até em arquivo .BAT. No iPad ele fez bastante sucesso até ser removido da AppStore por frescuras de licenciamento. Os desenvolvedores queriam que a Apple disponibilizasse o código-fonte, ou algo assim.

A versão normal roda perfeitamente bem no Windows 8, mas por algum motivo a Microsoft pediu uma versão usando a interface que não podemos mais chamar de Metro. Foi feito, meio na má-vontade, e basicamente… não recomendo.

Com as versões Android e iOS (resolveram a quizumba das licenças) ficou faltando a Windows Phone. Pois bem, demorou, demorou mas finalmente ela chegou. Já está disponível, neste link aqui o VLC para Windows Phone, inclusive dispositivos com 512 MB de RAM.

vlc2

Quando você abre o VLC no Windows Phone ele faz um scan no celular, organizando músicas e vídeos. Se ele encontra um formato de nome de arquivo mais ou menos reconhecível ele automaticamente cria uma subdivisão para seriados, organizando por temporada e episódio.

Embora seja listado como beta essa versão é bem alfa, sequer há uma tela de configurações funcional, mas vários recursos já estão disponíveis, como escolha de legendas (inclusive no OneDrive) e trilhas de áudio.

vlc3

Além do MP4 padrão que todo mundo toca, testei o VLC com MPEG, MKV, FLV, AVI e até um DIVX de 2007. Todos tocaram.

Dito isso, acabaram as boas notícias. Da mesma forma que a Apple, a Microsoft restringe o acesso a decodificação de vídeos por hardware, então mesmo que a GPU tivesse capacidade de entender esses formatos, o VLC não poderia fazer uso do recurso.

Como resultado ele esquenta, bastante. O Lumia 930 tocou um vídeo Full HD 1080p na boa, sem engasgar, mas esquentou a ponto de quase iniciar uma reação de fusão nuclear. Não quero imaginar o efeito disso na bateria.

Os vídeos também travavam durante buscas, e na tela inicial ele só libera o controle depois que gera o thumbnail de cada vídeo, o que pode demorar muito se você tiver mais que alguns filminhos. Várias vezes saí da aplicação sem-querer, tentando abortar o processo de thumbnails.

Ele toca vídeos? Toca, e pouco mais que isso. A menos que você precise MUITO executar aquele AVI, e não tem tempo (vai, Jack Bauer) de converter pra um formato decente, não há sentido em ter o VLC.

O Freemake é um programa muito melhor para você baixar. Converta seus vídeos para MP4, use o player nativo e seja feliz. Sua bateria agradece.

Onde achar o VLC: na Lojinha do Tio Satya.

Quanto custa: nada.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários