Home » Hardware » VP de Produtos Punit Soni está deixando a Motorola

VP de Produtos Punit Soni está deixando a Motorola

O executivo Punit Soni, VP de Desenvolvimento de Produtos da Motorola e grande responsável pela linha Moto está deixando a companhia

5 anos e meio atrás

punit-soni

Quando o Google adquiriu a Motorola lááááááá em 2011, o então executivo da companhia Punit Soni foi deslocado para o cargo de VP de Desenvolvimento de Produtos da empresa recém-comprada, com a missão de delinear seus futuros produtos aliando a expertise da Motorola com a excelência de software de Mountain View. Seria algo como a linha Nexus, mas com um desenvolvimento mais próximo e visando lançar produtos não tão caros mas tão bons quanto quaisquer outros concorrentes.

Estamos em 2014 e nós vimos os frutos do trabalho de Soni: a linha Moto é sem dúvida nenhuma um marco, produtos com preços convidativos e performance pra lá de decente, vide o review do Novo Moto G. Por isso é triste saber que Soni está de partida da Motorola após excelentes serviços prestados.

Em seu post de despedida, o executivo pontua alguns de seus melhores momentos à frente do setor de dispositivos da Motorola, e destaca a ocasião em que esteve no Brasil para o lançamento da primeira geração do Moto G. Além disso agradeceu a inúmeras pessoas que foram importantes na carreira do indiano, como o compatriota e ex-SVP do Google Vic Gundotra. Ele fala com orgulho do que alcançou na empresa, com os smartphones Moto X, Moto G e Moto E, o dispositivo de entrada da companhia que também possui performance elevada em comparação a seus concorrentes diretos.

Soni não deixou claro qual será seu destino daqui para frente. Há quem diga que o Google estaria se preparando para reabsorvê-lo (como fez com a equipe de tecnologia e projetos avançados), indicando que o acordo de venda da empresa para a Lenovo pode fazer com que outros profissionais acabem se desligando também. Minha preocupação é que se isso realmente acontecer (uma fuga de executivos e profissionais de ponta da Motorola) o futuro da companhia pode não ser tão promissor.

Sem Punit Soni muito do que fazia a linha Moto genial se perdeu, e se mais gente sair a Motorola pode voltar a ser o que era antes da aquisição pelo Google: uma companhia mediana que não sabe lidar com pós-venda.

Fonte: G+.

relacionados


Comentários