Home » Games » Yager diz que não voltará à série Spec Ops: The Line

Yager diz que não voltará à série Spec Ops: The Line

Criadores do Spec Ops: The Line apontam uma série de motivos para dizer que não voltarão a trabalhar com a série e que talvez nem façam outro shooter militar. Entenda o porquê.

5 anos atrás

spec-ops-the-line

O Spec Ops: The Line pode até ser criticado por não trazer nada de novo em sua jogabilidade, mas com uma narrativa tão sensacional como a da criação da Yager Developments, acho triste pensar que um número maior de pessoas não o jogou e por isso sempre o considerarei um dos títulos mais subestimados da geração passada.

Caso você também tenha experimentado essa pérola e se perguntado se o estúdio um dia voltaria à franquia, sinto lhe informar, mas o diretor Timo Ullman se declarou tão decepcionado com o game que chegou ao ponto de dizer que eles talvez nunca façam outro shooter militar.

Os motivos para eles pensarem assim são muitos, como por exemplo o fraco multiplayer, que teria sido criado devido a pressão da editora, ou o fato da produção ter demorado cinco anos para ser concluída, o que teria contribuído para que o retorno financeiro não fosse o suficiente.

Além disso, o game designer também falou que se você não pode competir com os grandes, o risco torna-se imenso e ainda criticou a maneira como as pessoas só costumam dar valor a títulos descerebrados, afirmando que “o mercado para jogos ‘inteligentes’ ou ‘intelectuais’ é de nicho, quase elitista.

Outro que também apontou as dificuldades para a produção foi Mathias Wiese, diretor de arte do projeto, que falou sobre o tipo de material que precisa ser avaliado para se criar um jogo como o Spec Ops: The Line, algo longe de ser divertido e que os envolvidos precisam ficar felizes se puderem fazer algo após um jogo como este.

Acredito que todas essas justificativas sejam plausíveis, mas se você terminou o jogo, me diga: será mesmo que eles teriam como trabalhar novamente com a série? Uma continuação direta não faria muito sentido e mesmo que aproveitassem o nome do jogo para colocar outros personagens em um cenário diferente, imagino que utilizar o mesmo estilo de narrativa não teria mais um impacto tão grande.

De qualquer forma, espero que a Yager Developments consiga manter a qualidade em seu novo jogo, o Dreadnought e caso não voltem mesmo ao Spec Ops: The Line, ao menos poderei me orgulhar de ter jogado um dos games mais chocantes já criados.

Fonte: games.on.net.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários