Home » Mobile » Um app para evitar que você use o smartphone enquanto anda

Um app para evitar que você use o smartphone enquanto anda

Tudo pela segurança: KDDI lança app no Japão que bloqueia o smartphone se o usuário tentar utilizá-lo enquanto está andando

5 anos e meio atrás

pedestrian-smartphone

Ao menos no oriente, segurança no trânsito é coisa séria e não se aplica só aos motoristas. Desde a popularização dos celulares os acidentes de trânsito em todo o mundo aumentaram, e com a modernização dos dispositivos isso só piorou: um smartphone na mão de um imprudente é receita certa para incidentes desagradáveis independente de quem estava distraído, independente de quem estava distraído: muitos acidentes são causados por pedestres que insistem em andar e usar o gadget ao mesmo tempo.

Em Taiwan o governo vinha estudando multar os pedestres que enfiarem a cara em seus smartphones na rua. Já no Japão a Honda está desenvolvendo uma tecnologia de detecção de motoristas imprudentes e pedestres distraídos. Já a operadora NTT DoCoMo e a Universidade Tecnológica de Aichi desenvolveram uma simulação mostrando o que acontece se 1.500 pessoas resolvem andar e utilizar o smartphone ao mesmo tempo. Agora a fabricante local KDDI resolveu apelar: ela disponibilizou um app de Android próprio que simplesmente bloqueia o celular se o usuário tentar utilizá-lo enquanto caminha.

O mais legal é que o algoritmo do app é esperto: ele sabe diferenciar uma caminhada de um veículo em movimento, e identifica até mesmo se o usuário está apenas sacudindo o aparelho (muito provavelmente utilizando GPS para isso). O app não precisa ser executado, uma vez instalado ele passa a rodar em segundo plano e só entra em ação quando o usuário quer fazer tudo ao mesmo tempo agora em movimento. Ele só volta a liberar o dispositivo após ele fazer o certo, que é parar de andar.

Claro, seria utopia pensar que alguém se sentiria disposto a instalar um app que impede você de utilizar seu smartphone de livre e espontânea vontade, e parece mais um produto que tem a cara do Japão. E infelizmente pode acabar assim mesmo: a KDDI não disponibilizou o app na Play Store, o restringindo a apenas seus próprios dispositivos. Pode ser que alguma desenvolvedora ache a ideia interessante e lance um similar por essas bandas, pois segurança nunca é demais.

Fonte: DT.

relacionados


Comentários