Home » Hardware » Revelado o Samsung Z, primeiro smartphone a rodar Tizen

Revelado o Samsung Z, primeiro smartphone a rodar Tizen

Este é o Samsung Z, o primeiro smartphone do mercado a rodar o sistema operacional Tizen

5 anos e meio atrás

samsung-z-001

Agora vai! A Samsung já ensaiou o suficiente testando o Tizen em seus smartwatches e pelo visto, gostou dos resultados; tanto é a mais recente atualização disponibilizada para a primeira geração do Galaxy Gear substituiu completamente o Android pelo sistema baseado em Linux e inspirado no MeeGo. Agora é hora de pô-lo a prova com o Samsung Z, o primeiro smartphone a rodar o novo sistema operacional.

Nós já vimos algumas coisas que o Tizen é capaz de fazer, quando a Sammy levou um protótipo rodando o SO meio que na surdina para a MWC. O hardware na ocasião não foi revelado mas tudo indicava que se tratava de um modelo alinhado com os high-ends atuais. Isso explicaria a fluidez com que o Tizen executava funções como abrir diversas janelas de programas simultaneamente sem engasgar. Claro, há de se levar em conta que como ele está presente em smartwatches atualmente, o SO é consideravelmente mais leve do que o Android.

A Samsung não revelou qual é o SoC que equipa o Samsung Z e deixou que as especulações perdurem até amanhã, já que prometeu dar mais detalhes do smartphones durante a Tizen Developer Conferece, que será realizada em San Francisco. Até o momento, estas são as informações oficiais sobre o que se esconde sob o capô do aparelho:

Especificações:

  • SoC quad-core de 2,3 GHz não revelado;
  • 2 GB de RAM;
  • display Super AMOLED de 4,8 polegadas com resolução HD (306 ppi);
  • 16 GB de memória interna, expansível via Micro-SD até 64 GB;
  • câmera principal de 8 megapixels e frontal de 2,1 MP;
  • leitor de impressões digitais;
  • sensor cardíaco;
  • Wi-Fi, GPS, Bluetooth 4,0 com LE, GLONASS, NFC;
  • Bateira de 2.600 mAh;
  • Tizen 2.2.1.

samsung-z-002

samsung-z-003

samsung-z-004

Curiosamente o Samsung Z é mais quadradão do que os aparelhos da linha S e Note, e subentende-se que com isso a Samsung pretende dar aos dispositivos com Tizen uma identidade própria. Já a presença de tanto o sensor cardíaco como o leitor de digitais mostra que eles muito provavelmente estarão presentes em praticamente todos os dispositivos de destaque da companhia coreana daqui para a frente: até mesmo o S5 Mini contará com ambos os features.

Não há informações de preço, mas a Sammy diz que o Samsung Z estará disponível na Rússia no terceiro trimestre e mais países o receberão na sequência. Além disso, a empresa planeja oferecer um programa especial de modo a incentivar desenvolvedores a criarem apps para a plataforma.

Fonte: ST.

relacionados


Comentários