Home » Games » CES 2014: Project Christine, o PC modular da Razer

CES 2014: Project Christine, o PC modular da Razer

Razer revela conceito de computador modular e diz que acompanhará reação dos consumidores para decidir se vale a pena produzi-lo.

6 anos atrás

Project-Christine

Houve uma época em que eu era fissurado em fazer upgrade no PC. Sempre que possível trocava uma peça por outra mais poderosa e passava várias horas buscando informações sobre aspectos técnicos dos componentes. Felizmente eu me livrei dessa “doença”, hoje preferindo tirar até a última gota da minha máquina e quando chega a hora de fazer alguma mudança, a única coisa que sinto é uma sensação de desânimo e confusão, dada a enorme oferta de produtos.

Em se tratando de PC, talvez esse processo nunca chegue ao fim, mas a Razer surgiu com uma ideia que poderá pelo menos minimizar o sofrimento na hora de fazermos um upgrade, trata-se do Project Christine.

Basicamente estamos falando de um gabinete bonitão que nos permitiria trocar componentes do computador apenas removendo cápsulas onde estariam armazenadas algumas peças como processador, placa de vídeo, memória e drivers, tudo sem a necessidade de cabos e com as partes protegidas por óleo mineral, o que por sua vez eliminaria ruídos.

Se você gostou da ideia, o problema é que de acordo com Min-Liang Tan, CEO da empresa, o Christine por enquanto não passa de um conceito, uma maneira da Razer descobrir se os jogadores de PC terão interesse e caso isso aconteça, então eles poderão partir para o próximo passo, que é comercializa-lo.

Vale lembrar que embora a fabricante tenha mostrado conceitos em edições anteriores da CES que nunca foram lançados, como é o caso do Switchblade, outros como o Hydra e o Project Fiona acabaram sendo produzidos, portanto não será surpresa se esse PC modular se tornar realidade. O problema é o preço que uma belezinha desta custará por aqui.

Fonte: The Verge.

Leia mais sobre: .

relacionados


Comentários