Home » Hardware » O nascimento da 1ª Lei da Robótica — ou da Skynet, você decide

O nascimento da 1ª Lei da Robótica — ou da Skynet, você decide

Em uma visão otimista, cientistas estão ensinando a robôs como perceber quando estão agindo de forma perigosa e assustando humanos. Em uma visão pessimista, cientistas estão ensinando a robôs como agir de forma perigosa e assustar humanos!

6 anos atrás


Isaac-Asimov-001

Uma vez um engenheiro de robôs disse que assim que um robô fosse capaz de identificar entre um homem e uma pedra, deveria ser programado com as 3 Leis da Robótica, de Isaac Asimov.

As 3 Leis, criadas em 1942, são uma das poucas criações da Ficção Científica que todos têm certeza de que se tornarão, cedo ou tarde, realidade. São elas:

  • 1ª Lei:
    Um robô não pode ferir um ser humano, ou por inação, permitir que este seja ferido.
  • 2ª Lei:
    Um robô deve obedecer as ordens dos seres humanos, exceto quando essas ordens conflitarem com a Primeira Lei.
  • 3ª Lei:
    Um robô deve proteger sua própria existência, desde que essa proteção não conflite com as duas primeiras Leis.

É evidente que teremos exceções, ou robôs serão inúteis em combate, mas no dia a dia será considerado crime um robô que não esteja programado com essas Leis. Só que bem antes disso é preciso que eles tenham uma mínima noção do mundo à sua volta.

Essa percepção está sendo ensinada a robôs nesta pesquisa da Universidade Cornell.

Nela um robô manipula uma faca e percebe quando um humano demonstra stress, medo ou desconforto. O humano em seguida posiciona o robô para uma distância segura, e a máquina se adapta, passando a manter o objeto perigoso longe da pessoa.

Isso é importante, pois por mais que um robô seja preciso, você não quer uma lâmina passando a milímetros do seu rosto, por mais que não haja perigo.

Por outro lado, estão ensinando ao robô quais os gestos e objetos que geram mais stress entre os humanos. OK, já sei onde isso vai parar.

roberto

Fonte: PS.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários