Home » Ciência » Cientistas dão passo importante em direção a uma vacina universal contra a gripe

Cientistas dão passo importante em direção a uma vacina universal contra a gripe

Surto de gripe suína em 2009 ajudou presquisadores; grupo de pacientes resistiu mais à doença por ter um número maior de uma célula imunológica específica

7 anos atrás

vaccine

Ninguém gosta de ficar gripado, isso é um fato. Além dos incômodos típicos que acompanham a doença, há sempre o risco dela acabar gerando complicações (principalmente em idosos, gestantes e crianças) e suas habilidades mutantes inviabilizam qualquer tentativa de desenvolver uma vacina permanente, pelo menos até agora: o surto da gripe suína de 2009 está ajudando uma equipe de cientistas de Londres a chegarem mais perto de uma vacina universal da doença.

O surto do H1N1 pegou todo mundo de surpresa, matando quase 15 mil pessoas em todo o mundo. Entretanto uma equipe do Imperial College London viu na epidemia uma chance de estudar o processo de imunização da população, de forma a encontrar algo que poderia ser utilizado para imunizar as pessoas não apenas de uma variação da gripe, mas todas elas.

Ao colherem amostras de sangue de 342 voluntários da universidade no momento em que a pandemia se alastrava, de movo a identificar fatores que poderiam impedir o desenvolvimento das formas mais graves da doença. A equipe notou que uma maior presença de células imunológicas T CD8 restringiam os sintomas da gripe suína. Quanto maior o nível, menor a manifestação dos sintomas.

Segundo o professor Ajit Lalvani da National Heart and Lung Institute e líder do estudo, essa descoberta pode ser crucial para desenvolver uma vacina que ao invés de atacar o vírus da gripe estimule a produção de células T CD8, o que poderia ser efetivo contra todas as cepas, mesmo as vindas de animais e aves (como no caso da H1N1), contra as quais não somos imunizados.

"Novas cepas da gripe surgem constantemente, algumas das quais são mortais. Criar uma vacina universal efetiva contra todas as cepas da gripe é o nosso Santo Graal."

As células T CD8 são produzidas pelo organismo contra a gripe sazonal e atacam diretamente o núcleo do vírus, que costuma ser o mesmo em todas as cepas. Pacientes que possuíam uma baixa concentração dessas células desenvolveram as formas mais graves da gripe suína, e uma vacina baseada numa forma de estimular a produção dessas células poderá se não imunizar, ao menos evitar o desenvolvimento dos sintomas, que em casos extremos pode levar à morte. O estudo foi publicado na Nature.

Fonte: BBC.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários