Home » Games » Indústria » Sega compra a Index, empresa dona da Atlus que estava em processo de falência

Sega compra a Index, empresa dona da Atlus que estava em processo de falência

Final feliz para a Atlus: companhia dona da empresa é adquirida completamente pela Sega, eliminando a ameaça que pairava sobre o desenvolvimento de novos títulos

6 anos atrás

persona-4

Quando a Index Corporation anunciou que estava passando por um processo de falência muita gente ficou preocupada, principalmente por ela ser a dona da Atlus, a desenvolvedora responsáveis por franquias de sucesso como Shin Megami Tensei, Persona, Etrian Odyssey e a série Souls. A situação só piorou quando foi revelado que o processo de salvamento da empresa poderia tomar o mesmo rumo do fechamento da THQ, com suas marcas indo parar nas mãos de diversas empresas, o que poderia comprometer todo o processo de lançamento de novos títulos.

Entretanto parece que esse filme teve um final feliz: a  Sega divulgou hoje que ela adquiru a Index Holdings por inteiro, num negócio que pode ter atingido 14 bilhões de ienes (ou US$ 141 milhões), com isso absorvendo para si todo o seu portfólio. Os planos da empresa para suas IPs são de expandir ao máximo a possibilidade de fazer dinheiro com elas, o que pode ser uma faca de dois gumes: o PDF menciona inclusive a possibilidade de lançar máquinas de pachinko (jogo tipo caça-níqueis popular no Japão) e outras formas de monetizar as marcas, como produtos relacionados ao cenário mobile.

Se pensarmos bem não é um movimento muito estranho da Sega disponibilizar suas marcas máquinas de jogos de azar, já que ela não possui mais consoles para lançar seus games. Por outro lado a aquisição de toda a empresa é benéfica para a Index (que passa a se chamar Sega Dream Corporation), pois no momento há vários games sendo desenvolvidos, entre eles Persona 5. Um desmembramento da empresa, com as franquias indo cada uma para um lado (e fatalmente as equipes de desenvolvimento sendo sumariamente desmanteladas, isso se todo mundo não fosse pra rua mesmo) seria fatal.

No mais, resta esperar para ver o que a Sega poderá fazer com essas marcas. Eu por exemplo gostaria muito de um crossover entre Persona/Shin Megami Tensei e Sakura Wars.

Fonte: DToid.

relacionados


Comentários