Home » Hardware » Vendas fracas do Surface RT dão prejuízo de US$ 900 milhões à Microsoft

Vendas fracas do Surface RT dão prejuízo de US$ 900 milhões à Microsoft

Redmond teve lucro de US$ 5 bilhões no último trimestre fiscal, mas resultados fracos do Surface RT a fizeram perder quase US$ 1 bilhão

6 anos atrás

gogoni-surface-rt

A Microsoft anunciou no início da semana o corte de preço no Surface RT por tempo indeterminado, o que pegou muita gente de surpresa. Apesar de ser um produto com o hardware de qualidade que a Microsoft costuma entregar as vendas tem sido muito fracas, principalmente devido a concorrência feroz do iPad. Entretanto ninguém tinha certeza de quão grande seria o revés enfrentado por Redmond... até agora.

A empresa apresentou hoje os resultados do último trimestre fiscal, tendo feito uma receita de US$ 19,9 bilhões no período, com lucro de US$ 5 bilhões, ou US$ 0,59 por ação, muito abaixo dos US$ 0,75 esperados em projeções anteriores. Como se não bastasse, a Microsoft anotou um desconto inesperado de US$ 900 milhões, declarando-o como "ajuste de estoques do Surface RT", incluindo na conta não somente o desconto anunciado, como também unidades que a empresa tem ciência de que não conseguirá vender. Junte-se a isso a queda do mercado de desktops e o alto investimento com o Xbox One (o setor de hardware e entretenimento como um todo fechou com prejuízo de US$ 7,2 bilhões) e temos um cenário nada agradável.

Ainda que os números não sejam animadores, isso não quer dizer que a Microsoft vai desistir do Surface. A atual CFO da companhia Amy Hood disse que a Microsoft "precisa ser melhor" para reverter a situação. Há também o caso do Surface Pro, que apesar de mais caro não entrou nessa conta e nem teve seu preço de venda reduzido, e continua vendendo bem, o que pode significar que os consumidores podem preferir iPads a qualquer outro tablet, mas a ideia de ter um dispositivo portátil com Windows 8 Full é muito tentadora para ser ignorada.

Fonte: Ars Technica.

relacionados


Comentários