Home » Meio Bit » Internet » Yahoo! resolve problema do pr0n no Tumblr mandando todo o conteúdo para um Gulag virtual

Yahoo! resolve problema do pr0n no Tumblr mandando todo o conteúdo para um Gulag virtual

Tumblr muda as regras do compartilhamento e material pr0n fica praticamente inacessível

5 anos atrás

Quando o Yahoo! comprou o Tumblr, criou-se a especulação de que a empresa da CEO Marissa Mayer iria eliminar todo o conteúdo educativo e/ou bizarro do site. Isso poderia significar uma queda substancial do serviço, já que 11% dos sites mais populares são pornográficos, e outros tantos contém material NSFW. Ficava a dúvida: eliminar ou controlar?

Em entrevista ao Stephen Colbert na última terça-feira, o CEO e fundador do Tumblr David Karp disse que o Tumblr não iria policiar o conteúdo pr0n do site, por acreditar na liberdade de expressão dos usuários; entretanto é evidente que sob a tutela do Yahoo!, o serviço deixou o gueto e se tornou mainstrean, ou seja, um alvo. E é por isso que a política de compartilhamento de conteúdo está mudando.

A estratégia é simples: o Yahoo! e Tumblr estão construindo uma muralha tão grande em volta do conteúdo educativo que dificilmente alguém terá acesso a ele sem posse do link direto, já que tags e outras formas populares de compartilhamento não serão permitidas. O site não será indexado, e aparecerá somente para seguidores em dispositivos mobile. Em Safe Mode, nem isso. Tumblrs com conteúdo erótico terão menos restrições. Em resumo, os blogs pr0n acabam de serem mandados para sua versão pessoal do Gueto de Varsóvia, algo que já havia sido proposto para todos os sites pr0n da internet com a criação do domínio .xxx, o que facilitaria a filtragem em ambientes de trabalho e por parte dos pais. No fim, o Yahoo! saiu na frente.

gogoni-politicas

Querendo ou não algo do tipo era esperado, ainda que o conteúdo não tenha sido removido. Ele só será praticamente inacessível.

Fonte: VW.


Leia mais sobre: , , , , , .


relacionados


Comentários