Home » Ciência » Brasil » SUS garante maior vitória brasileira em 2014, e dane-se a Copa

SUS garante maior vitória brasileira em 2014, e dane-se a Copa

SUS disponibilizará a vacina anti-HPV em 2014. Palmas a todos os envolvidos!

6 anos atrás

iron-lung-ward-for-polio-victims

NUNCA MAIS!

Imagine que 95% dos acidentes de carro fossem causados por um vírus. Agora imagine que um grupo de cientistas descobriu uma vacina que protege contra esse vírus, mas como todo bom talismã mágico, há um porém: você precisa se vacinar antes de aprender a dirigir.

Problema nenhum, certo? Vacine-se as crianças e pronto. Protegidas por toda a vida.

Agora imagine que um grupo de idiotas acha que ao vacinar as crianças antes de aprenderem a dirigir as torna propensas a querer dirigir antes do tempo, e por isso preferem que seus filhos fiquem desprotegidos, suscetíveis ao vírus que causa 95% dos acidentes, mesmo sem nenhuma relação real entre uso da vacina e interesse em dirigir.

Em essência é a vacina contra o HPV, o Human Papyloma Virus. Esse bicho é responsável por verrugas genitais e diversos tipos de câncer, incluindo 95% dos casos de câncer de útero. E EXISTE UMA VACINA! isso mesmo, fuck cancer, uma vacina que aplicada em mulheres (casos de câncer de útero em homens tendem a ser raros) antes da fase sexualmente ativa, quando têm contato com o HPV e outros vírus, garante imunidade.

A polêmica, criada por conservadores e fanáticos religiosos nos EUA, é que ao vacinar crianças e pré-adolescentes estariam estimulando esses jovens e iniciar atividade sexual. Sim, eu sei, não faz sentido, mas mesmo que fizesse se o preço pra proteger minha filha de um troço que causa 95% dos casos de câncer no útero fosse se tornar sexualmente ativa, eu mesmo contrataria o Kid Bengala.

Alheio a essa polêmica babaca, o SUS vai investir R$ 360,7 milhões na compra de 12 milhões de doses, aplicadas em meninas entre 10 e 11 anos, a partir de 2014. No Brasil o câncer de colo de útero é o segundo maior matador de mulheres, por ano são 4,8 mil vítimas fatais e 18.430 novos casos são diagnosticados.

Poderia dizer que há esperança disso mudar, mas não seria verdade. Não é esperança, é praticamente certeza.

Nos EUA, somente 32% das meninas tomaram as 3 doses necessárias para a vacina surtir efeito. O criminoso movimento antivaxxer e conservadores religiosos afetaram as campanhas de saúde pública. MESMO ASSIM comparando com dados pré-2006, quando a vacina foi introduzida, os casos de contaminação por HPV entre adolescentes caíram 56%.

Nenhuma variação na atividade sexual das meninas foi identificada. Estranhamente não associaram tomar injeção com autorização pra liberar a bacurinha.

No Brasil vamos superar de longe essa marca. Nossos conservadores religiosos não costumam encher o saco com assuntos de saúde pública, aqui até padre usa camisinha.

De resto, qual foi a última vez que você viu um cachorro com hidrofobia ou uma criança aleijada por pólio? Vacinas funcionam, vide os casos de sarampo nos EUA após a introdução da vacina:

sarampo

Portanto, faça a coisa certa e vacine suas filhas. Se não quiser esperar o SUS, a vacina já está na rede privada, e vale cada centavo de sei lá quanto estão cobrando. Não estou pedindo que acredite em mim. Como diz Richard Dawkins, ciência funciona. Se você baseia medicina em ciência, ela cura pessoas, se projeta aviões baseado em ciência, eles voam.

Ciência funciona, bitches.


Farhad A — Richard Dawkins - Science works bitches!

Fonte: Folha.

Leia mais sobre: , , , , , , , .

relacionados


Comentários