Home » Games » Microsoft abre incrições para SDK do Kinect 2.0 para Windows [UPDATE]

Microsoft abre incrições para SDK do Kinect 2.0 para Windows [UPDATE]

Por 400 dólares, desenvolvedores poderão por as mãos numa versão alpha para Windows do Kinect 2.0

6 anos atrás

gogoni-kinect-xbox-one

Ontem teve início a conferência BUILD 2013 e entre várias novidades acerca do Windows 8.1 e uma leve pincelada no Project Spark, o game de criação de games para o Xbox One, a Microsoft também anunciou que as inscrições para desenvolvedores terem acesso antecipado ao Kinect 2.0 para Windows estão oficialmente abertas.

Por uma módica quantia de 399 dólares, os desenvolvedores terão acesso ao SDK e a atualizações posteriores, suporte do time de desenvolvimento, uma versão alpha do Kinect e uma final quando for lançado, acesso exclusivo à API e à documentação. As inscrições devem ser feitas através deste link e estarão abertas até 31 de julho. Como as vagas são limitadas, a partir de 1º de agosto a Microsoft anunciará os selecionados para o programa.

Com um hardware muito superior ao seu predecessor, o Kinect 2.0 possui uma câmera que captura imagens em 1080p e sensores capazes de detectar até mesmo os menores detalhes do jogador, além de ser capaz de enxergar em ambientes escuros graças ao novo sensor infravermelho.

A Microsoft não deu maiores detalhes a respeito de quando a versão final para Windows será lançada ou seu preço final, mas caso seja muito caro, talvez seja mais em conta comprar o console com o acessório esperar a versão final, que muito provavelmente sairá mais em conta.

UPDATE: um porta-voz da Microsoft confirmou ao site Ars Technica que o Kinect para Xbox One não funcionará no PC. Segundo nota, a versão para consoles possui conexão proprietária e um adaptador não será lançado, enquanto que a versão para Windows se ligará através de uma porta USB 3.0.

A Microsoft diz que apesar de substancialmente idênticos, as versões possuem diferenças que não se limitam às conexões e foram desenvolvidas e homologadas para as plataformas destinadas a cada uma delas. Não que isso impeça alguém de lançar um adaptador não oficial, mas a empresa já avisou que esse não seria o cenário ideal.

O texto foi atualizado para refletir essas informações.

Fonte: CVG.

relacionados


Comentários