Home » Games » Miscelâneas » 3D Realms processa Gearbox por royalties não pagos de Duke Nukem Forever

3D Realms processa Gearbox por royalties não pagos de Duke Nukem Forever

Segundo a 3D Realms, Gearbox deve quase US$ 3 milhões num empréstimo como parte do acordo para finalizar e lançar Duke Nukem Forever

6 anos atrás

gogoni-duke-nukem

Mesmo após levar 14 anos de desenvolvimento para ser lançado e ser descoberto como um jogo fraco e datado, Duke Nukem Forever ainda rende história. A mais nova na verdade ocorre fora dos videogames: segundo a 3D Realms, desenvolvedora que criou a a série, a Gearbox lhe deve cerca de US$ 3 milhões, entre royalties e empréstimos realizados para que o game fosse enfim lançado, já que a 3DR quase faliu em 2009.

Segundo o processo, a Gearbox se comprometeu a pagar US$ 2,9 milhões como parte do acordo de compra dos direitos de publicação do game e de uma sequência, conhecida como Duke Begins. De acordo com a 3D Realms, a Gearbox se recusou a pagar alegando que aguardaria recuperar os custos de produção, o que para a 3DR caracteriza quebra de contrato.

Entretanto, em resposta à acusação o VP de marketing da Gearbox Steve Gibson disse que "a 3D Realms foi a mais beneficiada por esse negócio. Ao completarmos seu jogo, a Gearbox enriqueceu a 3DR, a salvou de seus débitos e a resgatou do litígio que enfrentava após os quase 12 anos de desenvolvimento de Duke Nukem Forever".

Segundo Gibson, a 3D Realms foi a única que saiu no lucro, pois conseguiu se recuperar graças às vendas do game, enquanto que a Gearbox amargou prejuízo e perdeu prestígio, graças às críticas que o game recebeu. Como a empresa se sente "traída", ela vai levar a briga adiante e "sairá vencedora", disse Gibson.

É uma situação complicada. Se a Gearbox devia dinheiro, que pagasse de uma vez ao invés de esperar o retorno, mas há de se considerar que o game ficou datado e foi massacrado pela crítica e público. Que a 3D Realms foi salva por isso não há dúvidas, mas como as empresas não chegam em um acordo, resta esperar o que a justiça dirá e quem vai se sair bem nessa, porque independente do que aconteça, Duke Nukem Forever continua ruim à beça.

Fonte: Joystiq.

relacionados


Comentários