Google apresenta IDE que promete tornar mais fácil o desenvolvimento para Android

Se você é desenvolvedor e já tentou se aventurar pelo universo Android, você sabe que as configurações iniciais não são lá muito amigáveis.

laptop600

Os passos mais simples incluem a instalação do Eclipse, os pacotes da API do Android e a configuração de um aparelho virtual. Não é o fim do mundo, mas está longe de ser userfriendly.

Para tentar solucionar este impacto negativo, a empresa apresentou na Google I/O uma IDE chamada Android Studio, que é gratuita e está disponível para testes.

Essa IDE foi feita em conjunto com a JetBrains, equipe responsável pelas melhores IDEs Java que existem hoje no mercado. Trata-se de uma edição mais parruda e melhorada de um IntelliJ IDEA, com novas features desenvolvidas especialmente para o Android, buscando simplificar e otimizar o dia a dia do programador.

Para isso, o Android Studio conta com suporte ao Gradle, metodologias para correções rápidas, métodos baseados em Lint para melhorar a performance, usabilidade e compatibilidade de versões entre os aplicativos criados pelo profissional, dentre as várias distribuições do Android. Foram adicionados vários wizards para a configuração de templates, wire-frames e componentes que já fazem uso das melhores práticas de desenvolvimento da plataforma, com editor de layout no qual você pode simplesmente arrastar e soltar os componentes gráficos no lugar que eles têm que ficar, permitindo a pré-visualização destas alterações sem custo de processamento.

ide-refactor

Uma das coisas que achei mais legais nesta nova ferramenta (e pode ser que o parágrafo fique técnico demais), é que ela permite que você crie seus projetos já pensando em seus servidores de integração contínua, com uma combinação de funções que facilitam o gerenciamento de builds mais complexos, mas agora de forma nativa, sem precisar apelar para vários aplicativos diferentes. Para mais detalhes sobre isso, acesse a documentação.

O Android Studio parece ter um editor de código bem poderoso, com suporte a Smart Editing (melhora a leitura e distinção do código, além de referência rápida aos blocos que você estava trabalhando há alguns segundos), Refactoring avançado e análise a fundo de código estático. Além disso, a IDE já vem preparada para a criação de aplicativos integrados ao Google Cloud Messaging (GCM). Tudo indica que teremos cada vez mais aplicativos de qualidade no mercado.

Se quiser testar também, você pode baixar a versão beta da IDE aqui. Vale lembrar que o Android Studio funciona no Windows, Mac OS e, claro, no Linux. Se você quiser migrar seu projeto do Eclipse, siga estes tutoriais.

Abaixo você confere um vídeo explicando um pouco mais sobre a IDE:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=e0fXuyL0xVU&w=640&h=360]

Fonte: Android Developers.

Relacionados: , , , , ,