Home » Hardware » Armas impressas em 3D? Meh. A graça agora são BALAS 3D.

Armas impressas em 3D? Meh. A graça agora são BALAS 3D.

Arma 3D é tão mês passado... a graça agora é munição 3D.

7 anos atrás

A mídia está caprichando na histeria, a impressão que se dá é que qualquer garoto com uma HP vai imprimir dezenas de AK-47s, a arma preferida do inimigo. Na prática a forma mais provável de uma Liberator matar alguém é de riso.

histeria

Existe um motivo bem claro para armas não serem feitas de prástico, e a melhor forma de descobrir qual é, é tentar disparar uma arma de prástico. Não que isso impeça reações como políticos tentando proibir venda de impressoras 3D.

Agora para piorar um desocupado que pelo visto não entende nada de armas resolveu criar projéteis com uma impressora 3D.

Existe um nome para balas de plástico: BRINQUEDO, mas isso não impediu o sujeito de gastar horas para criar projéteis para uma calibre 12.

Note que o autor não tinha uma arma, teve que pedir pra outro testar, e o resultado foi… patético.

Primeiro, ele esqueceu um detalhe: Projéteis tendem a cambalear se disparados de uma arma de cano liso. Quando se usa uma 12, a maioria das munições são esféricas, o que gera um cone na área de tiro. Se você precisar de precisão (soou estranho isso) precisa (tá ruim, a gente piora) de um projétil com raias, como este:

raiamasnaoaclaudia

O sujeito não se preocupou com esses detalhes, e ainda por cima criou um projétil com estrutura de favo de abelha. Isso mesmo, nem sólida a porcaria da bala dele é.

Veja os testes:

Acho que a melhor forma de garantir que ninguém nunca será morto (exceto por vergonha) com uma arma impressa é obrigar que essas armas usem somente munição igualmente impressa em 3D…

Fonte: SG.

relacionados


Comentários