Testamos: SSD Kingston HyperX 240 GB

DSC06747

Vejam que coisa linda chegou no correio ontem: O pessoal da Kingston mandou um SSD responsa para testarmos. Não que eu já não esteva satisfeito com o que comprei e resenhei aqui. Talvez, depois de 6 meses, minha única reclamação é que 64GB não é suficiente, mesmo desviando jogos e programas maiores para um HD convencional.

Já esse de 240GB tem espaço de sobra, e promete ser beeem mais rápido. Infelizmente meu desktop é beeem rasteiro, não poderei desfrutar das monstruosas velocidades do SATA3 suportado por este HyperX, que só aparecem em equipamentos topo de linha. Mesmo assim é ótimo instalar uma transmissão de Ferrari em um Fusca…

Vamos então ver em detalhes o com carinho essa belezinha…

1 – Dentro da Caixa

DSC06751

O SSD –modelo SH103S3/240G- em si é lindo, nome em relevo, com cara de algo feito com atenção. É um modelo de 2,5 polegadas SATA padrão, chega a dar pena que fique escondido dentro de um computador.

Junto vem um encaixe para baixa de HD (não mostrado), uma chave de fenda/philips também linda, CDs, cabos e uma case USB para você desperdiçar esse avião como HD externo.

DSC06748

 

2 – A Instalação

Se você já instalou um HD na vida, é extremamente simples. Não temos mais jumpers nem bobagens de Master/Slave. É espetar, esperar a BIOS reconhecer no boot, e pronto. Claro, se você tiver a minha Sorte de Aranha, seu PC funcionará perfeitamente bem uma hora, depois no próximo boot decidirá que o HD novo é o principal e dará a assustadora mensagem de disco sem sistema.

3 – O Disco

Vejamos o que diz o CrystalDiskInfo, um programa que deve ser excelente, pois contém japinha:

contemjapinha

Eu falei, contém japinha, mas vamos aos dados:

(4) KINGSTON SH103S3240G
—————————————————————————-
Model : KINGSTON SH103S3240G
Firmware : 506ABBF0
Serial Number : 50026B733200C00D
Disk Size : 240,0 GB (8,4/137,4/240,0/240,0)
Buffer Size : Desconhecido
Queue Depth : 32
# of Sectors : 468862128
Rotation Rate : —- (SSD)
Interface : Serial ATA
Major Version : ATA8-ACS
Minor Version : ACS-2 Revision 3
Transfer Mode : SATA/600
Power On Hours : 8 horas
Power On Count : 11 vezes
Host Reads : 37 GB
Host Writes : 48 GB
Temparature : 39 C (102 F)
Health Status : Saudável (100 %)
Features : S.M.A.R.T., APM, 48bit LBA, NCQ, TRIM
APM Level : 00FEh [ON]
AAM Level : —-

4 – E a velocidade?

Como falei, meu sistema limita o desempenho, e não adianta falar com meu médico, entende? Mesmo assim… caramba. Testemos com o CrystalDiskMark, outro programa que também contém japinha:

contemmaisjapinha

200MB/s de gravação. Poderoso. Não são os 510MB/s prometidos na caixa mas como você verá, é impressionante para minhas condições normais de temperatura e pressão.

Em meu sistema principal tenho o meu SSD de 64GB, um Seagate de 2TB e um Samsung de 1TB. Como o novo HD se compara?

Comparando no teste mais punk, copiando 50MB, 500MB e 1GB em blocos de 4KB, com queue de 32 requisições, estressamos o coitado do HD até ele querer bater com a cabeça na parede, o que só piora, pois SSD não tem cabeças. haha sacaneei.

Vejamos o resultado:

image

A velocidade de transferência dos SSDs é absurda em relação aos HDs com partes moveis, e mesmo entre eles o novo SSD dá uma surra no antigo.

Os outros HDs são massacrados. Enquanto o SATA3 de 2TB apresenta excelentes números principalmente na transferência de arquivos longos, o SSD esbanja velocidade ao não ter qualquer parte móvel  (como Arthur Clarke definiu) e por isso não perde tempo movimentando cabeças de gravação entre trilhas.

Mesmo assim quando mandamos fazer uma cópia de um SSD para outro, o resultado é este:

copiadomal

E aí, vai encarar?

Hoje com o Kingston de 64GB + Windows 8 meu tempo de boot caiu para menos de 10 segundos, partindo da máquina desligada. Farei uma bateria de testes mais detalhada, colocando o HyperX em condições reais de uso, mas já imagino que o boot cairá em mais alguns segundos. Por enquanto configurei-o para ser o disco com o swap do Windows e os diretórios TEMP e TMP, além do scratch disk do Photoshop. O bicho está voando baixo.

5 – A Dolorosa

No BoaDica, que serve como indicador de preços para o Rio de Janeiro, temos o SH103S3/240G sendo vendidor por R$800,00. Isso dá US$3,3 por GB. Nos EUA ele sai a US$229,00, menos de US$1,00 por Giga, o que é bem mais razoável.

Vale o investimento? No meu SSD antigo (isso é coisa que se diga?) paguei R$185 por 64GB. Progredindo linearmente, sem ganho de performance 240GB sairiam a R$740,00, então não dá pra dizer que os R$800 são um absurdo. Não precisam avisar ao BoicotaSP.

É caro? Com certeza, mas não se pode fazer um omelete sem quebrar alguns ovos, e ou se paga por performance ou espere a Dilma lançar o Projeto SSD Carinhoso.

Relacionados: ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples