Home » Games » Anúncios » PAX East 2013 - Blizzard anuncia Hearthstone: Heroes of Warcraft, card game "gratuito"

PAX East 2013 - Blizzard anuncia Hearthstone: Heroes of Warcraft, card game "gratuito"

Mais da PAX 2013: Blizzard anuncia Hearthstone: Heroes of Warcraft, card game gratuito ambientado do fantástico mundo de Azeroth.

6 anos e meio atrás

Hearthstone: Heroes of Warcraft

A Blizzard possui uma galinha dos ovos de ouro bem gorda chamada World of Warcraft. Num mundo onde a maioria dos MMOs passam do modelo pago para o F2P por não conseguirem manter os jogadores, WoW é um dos poucos do gênero que consegue angariar (muito) dinheiro com assinaturas. Além disso suas franquias angarias muitos fãs e sempre causam frisson quando sai um game novo, até mesmo o mico que foi Diablo III vendeu horrores.

Sob esse ponto de vista dá para entender porque a empresa não lança muitos games, ela literalmente está ganhando muita grana sem grande esfroço. Porém, a Blizzard anunciou na PAX 2013 um novo game de um estilo com a qual nunca flertaram: Hearthstone: Heroes of Warcraft, um card game ambientado na temática de seu game de maior sucesso.

A inspiração para o game é mais do que óbvia: os próprios executivos da Blizzard exibiram fotos deles jogando Magic: The Gathering no fim dos anos 80, época de fundação da empresa. Mas eu apontaria outra influência: Shadow Era, um card game gratuito multiplataforma e cross-play que é extremamente popular (o Kid que o diga) e ganhou muito dinheiro quando criou a versão física de suas cartas. É evidente que a Blizzard percebeu que poderia fazer o mesmo aproveitando as características de sua franquia mais lucrativa, já que nunca conseguiu bater Magic com seu TCG no mundo físico, e nos video games, o primeiro sempre comeu poeira.

Anunciado para Windows, Mac e iOS, o game em si é gratuito, mas a chave para vencer seus adversários é comprar os famosos booster packs com cartas adicionais e só então, escolher um herói que definirá o tema de seu deck e montá-lo dentre as 300 opções de cartas iniciais.

No vídeo "Acendendo a Chama", onde vemos o desenvolvimento do game, os executivos da Blizzard falam que, diferente do ritmo normal de criação de um game, com uma equipe grande e consumindo vários anos em nome da excelência do jogo, agora preferiram criar uma nova equipe de apenas 15 profissionais, em que eles poderiam desenvolver algo de forma rápida, mas com a mesma qualidade e paixão dos carros-chefes da empresa.

Segundo informes a Blizzard pretende que o jogo seja cross-play tal qual Shadow Era, e o preço sugerido dos boosters começaria em US$ 1. A ideia é abrir o beta no verão do hemisfério norte (entre neste link e inscreva-se com sua conta da Battle.net) e lançá-lo ainda em 2013.

Fonte: The Verge.

relacionados


Comentários