Home » Hardware » Voltamos a 1994 ou reinventaram o scanner de mão

Voltamos a 1994 ou reinventaram o scanner de mão

Por US$ 79 você pode ter o IRIScan, um mouse que também digitaliza documentos.

7 anos atrás

iriscan-580x281

Umas duas vidas atrás, quando eu trabalhava com editoração eletrônica meu maior pesadelo era quando tínhamos que escanear uma foto. Usávamos um scanner de mão da Logitech, que custou uma fortuna e só não era um câncer porque câncer evolui.

Era preciso u'a mão firme como rocha, do contrário você inclinaria o scanner um pentelhonésimo de milímetro, a imagem ficaria torta e inútil. Também caso a velocidade não permanecesse constante numa escala de nanômetros por microssegundo, o buffer enchia, e você perdia o trabalho. No dia que ganhamos um Scanner de mesa HP fiquei tão feliz que nem fiquei chateado de ter que cuidar dos 5 bebês albinos que sacrificamos a Lorde Satã (um dos passos necessários para fazer uma interface SCSI funcionar).

Agora acordo e descubro o IRIScan, um mouse com scanner embutido. O bicho tem conexão USB e resolução de 400 DPI. Nem de longe é profissional, mas dá pra brincar.

É bem legal ver como a tecnologia evoluiu, e ele usa provavelmente um acelerômetro pra corrigir a movimentação do usuário, dando uma liberdade nunca vista ao escaneador manual de outrora. Veja em ação:

O preço são razoáveis US$ 79,00. Pra quem usa muita kibada referência impressa, é uma boa. Parece ser mais prático do que pegar a câmera ou o celular e fotografar, ainda mais se o OCR funcionar bem como prometem no vídeo.

Fonte: SG.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários