Home » Games » Indústria » Objetivo da Microsoft com o Xbox era parar a Sony

Objetivo da Microsoft com o Xbox era parar a Sony

7 anos atrás

dori_xbx_07.02.13

Podemos dizer que existem dois tipos de funcionários, aqueles que sairão da empresa falando bem dela e aqueles que não pouparão críticas ao antigos patrões ou que não tem o menor receio de revelar informações que não deveriam vir a público. Joachim Kempin estaria mais para o segundo caso.

Ex-vice-presidente de vendas na Microsoft, Kempin lançará em breve um livro onde contará alguns detalhes da companhia e em que defende a ideia de que a saída de Steve Ballmer para que a empresa tenha sucesso, o que por si só já lhe garantiria um status de persona non grata em Redmond e durante uma entrevista falou mais um pouco sobre os bastidores, especificamente sobre o real interesse da Microsoft no mercado de consoles.

O principal motivo foi parar a Sony. Veja, Sony e Microsoft… elas nunca tiveram uma relação amigável, certo? E isso não aconteceu porque a Microsoft não queria, de uma maneira ela queria ser amiga da Sony porque sabia que havia muitas coisas em que poderiam cooperar, porque ambas eram companhias de entretenimento, sabe?

Quero dizer, pelo menos uma parte da Sony é e eles faziam muitas coisas boas, mas assim que eles surgiram com um console a Microsoft viu aquilo e disse ‘bem, temos que vencer eles, então vamos fazer o nosso próprio videogame.’

Apesar da declaração poder dar a entender que tudo não passou de birra por parte da Microsoft, ela faz sentido pois a decisão teria vindo do alto escalão da empresa e Bill Gates temia que em determinado momento os videogames poderiam se transformar num PC na sala de estar, o que poderia enfraquecer seus negócios. Além disso, lembre-se que o próprio Playstation teria nascido de um desentendimento entre Nintendo e Sony em relação ao desenvolvimento de uma drive de CD para o Super Nintendo.

Seja o relato verdadeiro ou não, o fato é que devemos agradecer a Microsoft por ter comprado a briga, caso contrário hoje poderíamos ter apenas dois competidores na disputa e a indústria poderia ser muito diferente.

[via IGN]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários