Home » Games » Acessórios » Conheça o F180, um ótimo volante multiplataforma

Conheça o F180, um ótimo volante multiplataforma

7 anos atrás

Controles que imitam volantes de carros são uma excelente maneira de tornar os jogos de corrida muito mais divertidos, mas como eles normalmente só funcionam em uma plataforma, investir caro em um deles acaba nos fazendo parar diante de um impasse: o que fazer quando temos jogos do gênero para um dos videogames que não são suportados pelo acessório?

Pois a Playcontrol resolveu o problema com o lançamento do F180, um excelente volante com giro de 180° e cujo principal diferencial é funcionar no XBox 360, PC, Playstation 2 e Playstation 3, e após jogar um pouco com ele, posso dizer que fiquei bastante impressionado com o seu desempenho.

Ao tirar o volante da caixa o seu acabamento logo me chamou a atenção. Ao contrário do que vemos em alguns desses controles de baixo custo, o tamanho se assemelha ao de um carro, algo que considero fundamental e seu acabamento passa a impressão de algo robusto. Porém, os pedais – apenas acelerador e freio - seguem o caminho inverso, feitos de plásticos e por o conjunto ser muito leve, pode sair do lugar enquanto estivermos no meio de uma corrida.

Chegou então a hora de ver como o F180 funcionaria e neste momento fiquei um tanto apreensivo. Como optei por testá-lo primeiro no PC, algo me dizia que ele não funcionaria direito no Windows 8, mas logo após realizar a instalação do drive e plugá-lo na porta USB, parecia que havia corrido tudo bem.

dori_f180_10.01.13

Tratei de iniciar o WRC FIA World Rally Championship e para minha decepção, a precisão estava longe do ideal, mas como desconfiei que o problema era do jogo, parti para algo melhor acabado, o SHIFT 2 e aí a coisa mudou completamente de figura. No jogo da EA o volante funcionou perfeitamente, me passando a sensação de estar realmente dirigindo um carro e o force feedback tornou a experiência excelente.

Como o acessório funcionou bem no computador, tudo indicava que nos consoles não seria diferente e separei quatro jogos para dar continuidade aos testes, o Grid e o Gran Turismo 5 no Playstation 3 e o PGR 4 e o Forza Motorsport 4 no Xbox 360.

Console da Sony ligado e novamente não gostei do que vi. Ao entrar no Grid descobri que o game aparentemente não possui suporte a volante e depois de configurar o F180 como um controle normal, jogar se mostrou uma experiência quase impraticável, me obrigando a virar demais o controle para que o carro começasse a responder.

Aquilo me preocupou e rapidamente coloquei o GT5 no console, o que me fez conhecer o verdadeiro potencial do volante. No título da Polyphony Digital a precisão se mostrou maior até do que no SHIFT 2 e depois de algumas corridas a sensação que tive é de que será muito ruim jogar novamente um game de corrida com um joystick tradicional.

Passando para o Xbox 360 a situação foi semelhante, pois se embora o PGR 4 tenha funcionando de maneira satisfatória com o F180, precisei de várias corridas para me acostumar com a sensibilidade e foi com o Forza 4 que o acessório brilhou de verdade, funcionando tão bem quanto no Gran Turismo 5 e inclusive tendo me deixado com um pouco de dor no braço tamanho o esforço exigido para manter os carro na pista devido a inércia.

A conclusão que tirei dos meus testes é que o lançamento da Playcontrol é muito bom para jogos mais realista e que estejam melhor preparados para este tipo de acessório, o que acredito também ocorra com outros volantes e na minha opinião o investimento nele vale muito a pena para quem gosta desse estilo de jogo e principalmente, quer aproveitá-lo em mais de uma plataforma.

Entre os pontos negativos eu citaria, além do curto cabo USB, o barulho feito pelo motor responsável pelo force feedback e a única sugestão que faço é que você tenha um bom lugar para apoiá-lo, pois exceto pelas ventosas localizadas na parte de baixo, não há nenhum tipo de encaixe que possa ser utilizado para prendê-lo e se ele estiver solto, a jogatina se tornará mais frustrante do que prazerosa.

relacionados


Comentários