Home » Meio Bit » Hardware » Sony vai descontinuar player que nem o iPod conseguiu matar

Sony vai descontinuar player que nem o iPod conseguiu matar

6 anos e meio atrás

walkmanjapinha

Muito, muito, muito tempo atrás a única forma de ouvir música na rua era usando uma tecnologia esquecida chamada Rádio FM. Era primitivo e –sei, é difícil de acreditar- não era possível escolher qual música queríamos ouvir.

Já havia tecnologia para gravar músicas em fita, mas os gravadores portáteis eram imensos. Não adianta ter uma fita do tamanho de um iPhone se o player era uma monstruosidade do tamanho do Nexus 7, aquele Skate do Google.

Um dia a Sony mudou tudo. Lançou o Walkman, e o mundo nunca mais foi o mesmo. As pessoas passaram a ter o conceito de sair na rua ouvindo a música que queriam, na hora que queriam. O Walkman de fita existiu de 1979 até 2010, tendo dominado até o surgimento do iPod, que popularizou o conceito de MP3 player, e darwinisticamente exterminou a fita.

Mesmo assim, dado o arquivo legado E o pessoal que não consegue se adaptar a novas tecnologias, gravadores de fita K7 continuaram sendo fabricados, inclusive pela Sony, que só agora anunciou para Janeiro de 2013 o fim dos modelos TCM-410, TCM-400 e TCM-450.

sony

 

Curiosamente, o player de fita K7 da Sony teve uma vida maior que o MiniDisc, tecnologia muitíssimo superior, inclusive ao CD, mas que só durou de 1992 até 2011.

Sou a criatura menos saudosista que existe, não tenho problema em abraçar novas tecnologias, mas não deixo de ficar um pouco triste ao ver o fim de uma era.

Fonte: AN

relacionados


Comentários