Home » Games » Molyneux inicia campanha para financiar criação de God Game

Molyneux inicia campanha para financiar criação de God Game

7 anos atrás

dori_god_22.11.12

É, caro leitor do Meio Bit Games, acho que agora podemos dizer que esse negócio de Kickstarter ficou realmente sério, pois a lenda, o mito, o gênio* Peter Molyneux anunciou uma campanha para tentar financiar a produção do próximo jogo do seu novo estúdio e ele será um god game.

O objetivo da 22cans é levantar pelo menos £450 mil, uma marca que, imagino, deva ser alcançada sem muita dificuldade e para deixar os apaixonados pelo gênero ainda mais empolgados, o jogo conhecido por enquanto como Project GODUS foi descrito como uma reinvenção do inesquecível Populous e que deverá aproveitar elementos de outras criações do britânico.

GODUS combina o poder, o desenvolvimento e o alcance do Populous com as detalhadas construções e a excitação do multiplayer do Dungeon Keeper, além da interface intuitiva e inovação técnica do Black & White. O Populous original nos remete à época dos 8-bits, mas o GODUS usará a mais moderna tecnologia que o mundo pode oferecer atualmente.

O estúdio garante ainda que o game terá “um mundo vivo, único e detalhado”, podendo ser modificado de acordo com as ações do jogador, sejam elas boas ou más e Molyneux não teve medo de continuar comparando a nova criação ao título que fundou as bases do estilo, dizendo que espera que com ele a 22cans possa "os levar de volta aos tempos gloriosos da Bullfrog, onde o foco estava fundamentalmente na jogabilidade.

Tudo bem que promessas incríveis são uma marca registrada de Peter Molyneux, mas ainda assim tenha a impressão de que este jogo possa ser excelente. Talvez esse sentimento se justifique pelo fato de adorar games onde assumimos o papel de um deus e eles não costumam ser lançados com frequência, mas seja como for, ficarei torcendo para para que o financiamento dê certo e claro, que os envolvidos na produção acertem a mão.

Com previsão de levar entre sete a nove meses para ser concluído, a princípio teremos versões apenas para PC e dispositivos móveis, mas eles não descartam uma conversão para outras plataformas caso a meta seja superada com folga.

*Brincadeirinha, ok? Foi só para provocar os que não gostam do game designer.

relacionados


Comentários