Home » Games » Para produtor, co-op foi segredo do sucesso do Dead Island

Para produtor, co-op foi segredo do sucesso do Dead Island

7 anos atrás

dori_dead_14.08.12

Quatro milhões de cópias vendidas depois, podemos dizer que o Dead Island foi um sucesso, apesar de alguns problemas e de o jogo não ter agradado a todos. Mas o que será que fez com que ele conquistasse tantos admiradores? Teria sido os seus belos gráficos, a mistura de FPS com RPG, ou simplesmente a utilização de zumbis? Pois para o produtor Guido Eickmeyer, da Deep Silver, ter um modo cooperativo sólido foi o que chamou a atenção.

De acordo com o executivo, desde que o jogo foi lançado quase 57 milhões de horas foram gastas em partidas cooperativas, algo que seria o equivalente e 6500 anos. Ele ainda afirmou que permitir que as pessoas pudessem jogar juntas fez com que o jogo continuasse vendendo bem mesmo após meses e em suas palavras, “esta é a experiência co-op mais empolgante que existe no mercado.

Um pouco de exagero? Sem dúvidas e por mais que eu tenha gostado de aniquilar zumbis com a ajuda de amigos - o que fiz poucas vezes, é verdade - ainda acho que se encarado sozinho a experiência é muito mais angustiante e desesperadora. Talvez essa minha opinião seja explicada por achar que títulos cooperativos sejam mais divertidos quando se trata de partidas curtas, como no Left 4 Dead e ter que depender da disponibilidade de outras pessoas para encarar longas jornadas pode ser algo frustrante.

Enfim, acredito que o Sr. Eickmeyer tenha razão em creditar parte do sucesso do Dead Island ao co-op, mas para mim ele continuaria sendo bom mesmo sem essa função.

[via Eurogamer]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários