Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

CES 2014: LG quer tornar a sua casa mais esperta

Por em 6 de janeiro de 2014

lg-curved-tv-oled-105-webos

A LG foi a primeira grande empresa a realizar uma conferência na CES 2014, e confirmou a tendência de que neste ano, o foco não é mais smartphones e tablets, mas a Internet das Coisas: começando pela TV, o mote “tudo é possível” assinala que não há mais limites para inovar em tecnologia, e ela não precisa ser restrita aos gadgets mais utilizados.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Computação móvel Destaques Hardware Mercado Planeta Sem Fio Software Telecom

LG: 70% das Smart TVs lançadas em 2014 rodarão WebOS

Por em 6 de janeiro de 2014

lg-tv-ces-2014-webos

A HP bem que tentou, mas não deu sorte com o WebOS. A empresa adquiriu o sistema ao comprar a Palm e inseriu em seus produtos, principalmente o HP Touchpad, aquele tablet que proporcionou 49 divertidos dias em 2011, que foi a duração de seu ciclo de vida (só não ganhou do Microsoft Kin, que viveu por 48 dias). A HP então anunciou a abertura do código para estimular os compradores a desenvolverem para o sistema, apenas para o Open WebOS não ser compatível com o Touchpad.

No fim das contas a HP jogou a toalha, vendeu o WebOS para a LG e voltou a abraçar o Android. A gigante coreana viu no sistema a possibilidade de dar um upgrade no sistema operacional de suas TVs, e agora às portas da CES 2014 ela revelou seus planos: 70% da linha de televisores que serão lançados neste ano virão com o WebOS.

Nosso velho amigo @evleaks já havia vazado como a interface se comportaria nas TVs da LG, e ele chama a atenção pela disposição em cartões aos invés de ícones, e a empresa reforça que o sistema proporciona três vantagens principais: “Simple Connection” garante uma configuração simplificada, orientada por um avatar chamado Bean Bird que aparecerá assim que o televisor for ligado pela primeira vez. “Simple Switching” é relativa à operação simplificada através da nova interface e “Simple Discovery” trata das capacidades de controle por gestos e voz e a capacidade de retornar conteúdo específico de acordo com o uso, seja pela Dashboard ou pela loja de apps dedicada, o que remete novamente à polêmica levantada pela descoberta que suas Smart TVs coletam dados do usuário sem permissão.

Apesar de estar disponível para degustação na CES, o primeiro modelo com WebOS será primeiramente lançado na Coreia do Sul e depois nos Estados Unidos e Europa, e só então chegarão aos demais países.

Fonte: LG (em coreano).

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Hardware

HP começa a ensacar mais de 500 funcionários do WebOS essa semana.

Por em 20 de setembro de 2011

Webosaxed mb

Zumbis são legais. Mas nem mesmo o renascimento surpresa do TouchPad conseguiu segurar o emprego de mais de 500 colaboradores da divisão de hardware do WebOS na HP.

Na realidade, foram 525 demissões que começaram ontem e devem acabar na próxima sexta.

A HP matou a divisão de hardware do WebOS no último mês de Agosto, deixando claro que não manteria muitos empregos. Mesmo que a empresa ainda mantenha vivas certas ambições do WebOS como software, não existem mais quaisquer razões para manter uma robusta folha de pagamento no chão de fábrica.

“Como parte da decisão (de acabar com o WebOS em 18/Ago) a divisão GBU do WebOS sofrerá uma redução na sua força de trabalho. As ações iniciadas hoje (19) são parte desta iniciativa. Durante este período, reafirmamos nosso compromisso com os nossos clientes WebOS e trabalharemos para assegurar que ambos suporte e serviços de atendimento ao consumidor não sejam afetados de maneira adversa. A HP explora atualmente novas maneiras de tirar proveito do Software WebOS”. — informou um porta-voz da empresa ao portal AllThingsD

Embora esperada, a notícia de tantas demissões nunca é boa. Será uma semana difícil para muitos empregados, à espera de ouvirem seu nome sendo chamado para o desligamento. Mais chato ainda deve ser encarar uma dessas e saber que o projeto era de fato competitivo. Mas, especialmente nesse mercado, é ‘Show Business’ e não ‘Show Hearts’.

A HP comprou a Palm por U$ 1.2 bilhões em 2010 e bate a maior cabeça para recuperar qualquer fração que seja do substancial investimento. Aliás, gasto esse que que agora sem qualquer sombra de dúvida não atingirá nem de perto o futuro esperado.

O que no caso do WebOS é algo especialmente triste pois, se você chegou a usar o OS…

Atualmente existem boatos de que inúmeros fabricantes estão na fila para discutir uma eventual compra do WebOS, mas até o momento nada foi confirmado.

Boa sorte para o pessoal da HP.

emMeio Bit Mobile

O Android estaria se transformando no novo Windows OS para portáteis?

Por em 24 de agosto de 2011

NewImage

Um estudo recente foi auditado por diversos blogs e empresas de tecnologia e mostrou que o iOS está muito bem de saúde. Já o Android…

Os dados mostraram que o iOS permaneceu 100% imune à crescente onda de malwares criados para dispositivos mobile; enquanto o Android luta para combater 76% novas e cascudas ameaças à integridade de seu sistema operacional e tornando-se, como o Windows, o alvo favorito de exploits.

No Relatório de Ameaças de Q2/2011 da MacAfee (via MacNN) há uma nota que diz que “o horizonte de ameaças de 2011 passa por um ano de caos e mudanças”.

“O aumento das ameaças para plataformas assim populares nos faz avaliar nosso comportamento em dispositivos portáteis e o preparo que indústria dispõe para combater o seu crescimento” — diz o mesmo relatório.

A internet está abarrunfada de websites que alertam para o fato de que o Android é hoje o sistema mais susceptível à ataques e as razões argumentadas para isso são muitas.

Há quem diga que a culpa é do Open Source e que a Apple pode ser um covil de coronéis, mas que seu modelo fechado de desenvolvimento e aprovação de aplicativos dificulta o exploit.

Do outro lado toca o coreto daqueles que, com certo ponto, alertam para o facto de que o Android cresceu muito mais rápido que qualquer outro sistema operancional mobile e que por atingir diferentes camadas da sociedade, tem o melhor ‘custo-benefício’ tanto para quem o adquire, como para aquele que o contamina com doenças feitas à mão.

Em Junho, a Symantec emitiu um relatório dizendo que o iOS era totalmente à prova de malwares (exagerado) e que o Android poderia ser considerado fraco, com ‘pequena proteção’ contra as tais ameaças.

A MacAfee não incluiu nos números avaliados o caso de contaminação pelo anti-virus fake MacDefender, que encheu o saco dos usuários de Mac nesse ano, por entender que trataria-se de um malware para o OS principal da Apple, não aquele utilizado em seus dispositivos mobile. É justo.

O curioso, é que o único sistema capaz de repelir totalmente quaisquer ataques – além do iOS – foi o Benjamim Button da indústria, o WebOS. Ou por não ter sido capaz de atrair quem o queira violar (isso soou estranho), ou por simplesmente não ter nenhum malware desenvolvido para ele. Awwwwnnn!

De qualquer maneira, nenhum dos malwares (nem aplicativos, nem clientes, nem nada) funcionou no WebOS mesmo…

 

emMeio Bit

Só assim para salvar o HP TouchPad…

Por em 22 de agosto de 2011

Hp touchpad 01

Um grupo de desenvolvedores acabou decidindo que era uma boa oportunidade e já se colocaram a trabalhar num port do Gingerbread, versão 2.3 do Android.

A versão customizada tem como principal objetivo ser utilizada nos matadores mortos de iPad, os HP TouchPads.

Com a queda vertiginosa nos preços para esvaziar as pratelerias e também por considerarem o hardware do bom cadáver satisfatório o bastante para um mínimo de longevidade com o uso do Android, o pessoal do RootzWiki pretende portar o 2.3 e ainda deixa-lo com  “cara” de Honeycomb.

“Pretendemos ter uma tela baseada no sistema de botões do Honeycomb, porém, dentro do Gingerbread” — explica Thomas Sohmmers, um dos desenvolvedores por trás do projeto.

O grupo dará conta das atualizações do desenvolvimento no próprio RootzWiki e está aceitando doações de quem quer ver o projeto atingir seus objetivos.

Segundo Thomas, a meta é manter o desenvolvimento “o mais open source possível“.

(…)

A Palm sorri aliviada e pensa em montar uma fábrica para guarda-chuvinhas para coquetel nas Bahamas.

Enquanto isso, a HP procura uma maneira de portar o WebOS para sua linha de impressoras…

Aí HP, cadê o outsourcing de oportunidade?

emMeio Bit Mobile

Evernote adquire a Skitch

Por em 20 de agosto de 2011

Skitch

Se você sempre gostou do Evernote por ser um projeto cuja preocupação com a simplicidade e funcionalidades reais para o usuário, você acaba de ganhar mais uma boa razão para continuar usando este popular software de anotações.

A Evernote anunciou ontem (18) a compra de um outro software bastante popular para OS X, o Skitch. Os valores da aquisição não foram mencionados, mas seus co-fundadores, os Australianos Keith Land e Chris Pearson disseram que continuam a trabalhar no Skitch, só que agora como adquiridos da Evernote.

O CEO da casa, Phil Libin, disse que a compra do Skitch é um dos primeiros passos cujo objetivo final é transformar o Evernote na “plataforma definitiva para produtividade” à disposição do usuário.

Investindo de maneira robusta em tornar o Evernote uma solução de multi-plataforma, o projeto sempre trabalhou em clientes extremamente bem-feitos para Windows, OS X, iOS, Android, WP7, Blackberry e até WebOS.

Mesmo sendo um software e web-app freemium, a opção gratuita tem sido bem mais do que suficiente para a maioria dos usuários do serviço e nem por isso impede-os de desfrutar de todas as suas funcionalidades. continue lendo

emApple e Mac Meio Bit Mobile

HP contrata Russel Brand como garoto propaganda do webOS

Por em 4 de julho de 2011

A HP não tem um histórico lá muito bem sucedido na contratação de estrelas para mediar o lançamento de seus produtos.

Talvez você não tenha visto a série de vídeos assustadores da atriz Tamara Hope para o lançamento do Palm Pre. Ela é ótima, uma gracinha, mas o diretor e a empresa optaram por transformá-la em um tipo de manequim de loja da 25 de março possuído por uma espécie alienígena com muita raiva da nossa raça.

Deu muito errado. Abaixo, um video dos muitos vídeos na rede:

continue lendo

emMeio Bit Mobile Planeta Sem Fio Portáteis