Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

LG lança Slidepad, tablet que se torna laptop e vice-e-versa

Por em 19 de junho de 2013 - 6 Comentários

A convite da LG, fomos ao lançamento do Slidepad, um interessante conceito de tablet de 11 polegadas com teclado deslizante que o transforma automagicamente num laptop, todo o conjunto movido a Windows 8 Pro.

WP_20130618_007

Pesando um pouco mais de um quilo, o Slidepad tem vasta opção de conectividade: HDMI, micro USB, USB, Bluetooth 4.0, slot para cartões Micro-SD e Wi-Fi. A espessura é digna de ultrabooks, com 159 mm no modo tablet. Por baixo do capô, um processador Intel Atom Z2760 e 2 GiB de memória RAM. São 64 GB de capacidade nativa de armazenamento eMMC.

continue lendo

emHardware Mercado Microsoft

Google lança na África o Tablet Café

Por em 10 de junho de 2013 - 3 Comentários

Tabletcafe

A rigor o que eles chamam de Cyber Café aqui a gente chama de Lan House, mas o conceito é o mesmo: um lugar onde você pode comer e beber e, ao mesmo tempo, acessar Internet pagando por hora. Durante muito tempo no Brasil a Lan House foi o grande popularizador da inclusão digital, mas hoje a classe C já se encaminha para seu segundo computador, e mesmo a classe D está se informatizando, diretamente com PCs ou através de celulares.

No Senegal a situação não é tão simples, a população ainda depende muito das lan houses. E com o agravante de as empresas sofrerem muito com dois fatores limitantes: o custo da energia elétrica é muito alto E ela não é confiável. As quedas de luz são constantes, o que queima equipamentos e atrapalha a vida dos clientes.

O escritório do Google em Dakar resolveu fazer uma experiência para acabar com isso: se ofereceu para bancar a transição do Equinoxe Cyber Cafe, uma lanráus da cidade no Tablette Café, trocando quase todos os PCs por tablets Android.

O resultado foi excelente. Os clientes conseguem tudo que usavam, como email, acesso web, Skype e jogos (na África CS em computador é coisa de n00b) e não sofrem com falta de luz. Muito provavelmente um nobreak segura o modem de banda larga, o resto é festa.

Curiosamente os tablets custam mais caro do que PCs, mas o dono do Cyber Café não está reclamando, os 15 tablets consomem 25x menos eletricidade do que os antigos computadores.

Uma idéia simples e eficiente, tomara que seja ampliada e repetida, também no Brasil. Dá para imaginar até iniciativas de lan houses volantes, uma Caravana Rolidei desbravando o sertão levando Internet aos desconectados.

Fonte: AFP.

emInternet

Mozilla e Hon Hai revelam a aparência do 1º tablet com Firefox OS. E só.

Por em 3 de junho de 2013 - 1 Comentário

Hoje mais cedo, durante a Computex 2013 (em Taipei, China 2), a Hon Hai (Foxconn) anunciou alguns dos detalhes da grande parceria com a Mozilla para colaborar com o uso do Firefox OS em pelo menos 5 aparelhos fabricados pela taiuanesa. Young Liu (Foxconn) e Li Gong (Mozilla Taiwan) revelaram um protótipo de prancheta eletrônica cujas especificações não foram reveladas.

Laguna_TabletFirefox2

Tablet Firefox OS (Créditos: Engadget)


Será que a Foxconn entraria na disputa mobile com uma marca própria?
continue lendo

emIndústria Mundo Estranho Open-Source Planeta Sem Fio Publicidade

Samsung amplia a linha Galaxy Tab 3 com modelos de 8 e 10,1 polegadas

Por em 3 de junho de 2013 - 1 Comentário

gogoni-galaxy-tab-3

Conforme dito antes, a Samsung lançou a linha Galaxy Tab 3 com um tablet de configuração mais modesta, muito provavelmente para confrontar a linha Nexus, mas não muito surpreendente ela ampliou o form factor do aparelho, revelando dois novos modelos, de 8 e 10,1 polegadas.

Eu questionaria o fato da empresa já ter a linha Note em ambos tamanhos, mas como o hardware deles é mais modesto, é provável que o foco seja em pessoas que querem tablets bons por preços mais acessíveis.

Vamos dar uma olhada nas especificações dos brinquedinhos:

continue lendo

emComputação móvel Destaques Hardware Planeta Sem Fio

Oito polegadas de Windows 8: Acer Iconia W3, é oficialmente revelado [Computex 2013]

Por em 3 de junho de 2013 - 10 Comentários

O velho rumor de tablets menores com o Windows 8 torna-se facto: a Acer revelou oficialmente o Iconia W3, seu principal produto para atender o público pró-Microsoft das pranchetas eletrônicas com telas de 8 polegadas, um mercado já disputado por inúmeras tablets Android e o iPad mini.

Laguna_IconiaW3

Tablet Windows 8 da Acer, Iconia W3 (Créditos: The Verge)

Esse “Surface Mini” da Acer já havia sido vazado pela Amazon e basicamente não há muita novidade sobre ele, exceto que terá uma versão de 32 GB sendo lançada na Europa por € 329, vindo aos Estados Unidos por US$ 379. Uma outra versão, com 64 GB de armazenamento interno, tem preço europeu significantemente maior, 379 euros, mas não teve revelado o preço norte-americano. Bom lembrar que uma tablet Windows 8 com 32 GB tem apenas 16 gigabytes de espaço livre.

Enfim, a Acer incluiu uma versão completa do pacote Office nessa tablet x86 e o tio Laguna imagina que alguém, que precise de algo melhor que o teclado virtual do Windows 8 para produzir conteúdo, seria bem atendido com o principal acessório: por 69 euros temos um teclado físico que parece ser tão confortável quanto o teclado de um notebook de 13 polegadas e também serve como base do Iconia W3.

Será que ainda vale a pena comprar um iPad mini quando podemos ter praticamente um PC completo pelo mesmo preço e quase do mesmo tamanho?

emHardware Mercado Microsoft Planeta Sem Fio

Sony e E Ink apresentam tablet de 13,3″ com tela e-ink flexível

Por em 22 de maio de 2013 - 7 Comentários

gogoni-e-ink

A E Ink é uma empresa que está apresentando algumas novidades interessantes na área mobile. Depois de demonstrar durante a MWC 2013 smartphones com telas e-ink de baixo custo,  agora eles voltam em parceria com a Sony e apresentam a tecnologia Mobius, que além de ter todas as características das telas que já conhecemos, ela é maleável e permite anotações com alta precisão.

continue lendo

emHardware

Engine Unity ganha versão gratuita para Android e iOS

Por em 22 de maio de 2013 - 2 Comentários

unity_22.05.13-2

No geral a Unity pode não estar entre as engines apontadas como capazes de dar vida a jogos com os melhores gráficos (embora tenhamos coisas assim), mas por tudo o que tenho lido sobre ela e pelas conversas que já tive com pessoas que a utilizaram para desenvolver seus projetos, acho seguro dizer que hoje não há nenhuma ferramenta de desenvolvimento tão acessível quanto esta.

Para deixar isso ainda mais evidente, a Unity Technologies anunciou que os estúdios independentes de pequeno porte que quiserem criar jogos para dispositivos iOS e Android (Blackberry e Windows 8 deverão ser atendidos em breve) terão acesso gratuito à engine, podendo assim publicar suas criações nas lojas dos respectivos sistemas através de uma opção no menu e isso provavelmente abrirá as portas para muita gente, já que antes era preciso pagar US$ 800 pelo licenciamento do kit.

Nós tornamos gratuita a Unity para web e para desktop há algum tempo, mas sonhávamos em fazer o mesmo para os dispositivos móveis, o que pareceu durar uma eternidade,” declarou o CEO da Unity, David Helgason. “O desenvolvimento de jogos para dispositivos móveis é possivelmente a indústria mais excitante do mundo e é uma honra poder ajudar tantos desenvolvedores a serem bem sucedidos em cumprir suas visões e construírem seus negócios.

Mesmo que você não seja um desenvolvedor, essa notícia deve ser comemorada pois poderá fazer surgir nos celulares e tablets muitos títulos que tragam mecânicas inovadoras e menos casuais e penso que o fim da história todos poderão sair ganhando com a atitude da empresa.

[via Joystiq]

emCelulares Jogos Portáteis