Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Por que nós não jogamos os games adquiridos no Steam?

Por em 16 de abril de 2014

steam

Mês passado surgiu na internet um infográfico que trazia algumas informações sobre o Steam e no meio de uma infinidade de números, uma informação chamou a atenção do autor deste interessante artigo publicado no GamesBeat.

Levando em consideração as conquistas que podem ser obtidas nos jogos, o responsável pelo gráfico descobriu que dos jogos adquiridos através do serviço de distribuição da Valve, 29,6% nunca foram terminados, o que já seria bastante impressionante, mas o que realmente chama a atenção é revelação de que 22,2% das aquisições não terem sido jogadas (o Ars Technica afirma que o número seria 36,9%).

Diante de tal número, o autor do post elabora algumas teorias sobre o porque disso acontecer, como por exemplo as promoções realizadas pelo Steam se tornaram uma espécie de viral ou nos pacotes com vários títulos, fazendo com que muito invistam em jogos que em condições normais nunca teriam interesse.

continue lendo

emComputadores Games

Transistor será lançado para PC e PS4 no dia 20 de maio

Por em 11 de abril de 2014

transistor

Quando a Supergiant Games apresentou Bastion em 2011 muitos indies questionaram a sua posição como desenvolvedora: em 2011 não era comum uma grande distribuidora como a WB Games promover um joguinho independente como ocorreu na ocasião, mas a qualidade do trabalho dos ex-EA Amir Rao e e Gavin Simon, o ex-Gamespot Greg Kasavin, o compositor Darren Korb e a artista Jen Zee dribou todos os preconceitos, o jogo era excelente e pronto.

continue lendo

emComputadores Games Sony

Steam ganhará versão melhorada do Age of Mythology

Por em 3 de abril de 2014

Age-of-Mythology

Para a alegria dos fãs da série Age of Mythology, ao que que tudo indica a Microsoft gostou do desempenho comercial alcançado pelo Age of Empires II HD e por isso em breve o Steam passará a vender uma edição melhorada do jogo de estratégia que que tem a mitologia como pano de fundo.

Com as vendas através do Steam Early Access previstas para começarem ainda este mês, o AoM: Extended Edition trará, além do jogo original, a expansão Age of Titans e a campanha Golden Gift, mas o que deverá realmente tornar o pacote imperdível são os muitos recursos que esta versão trará.

Além de suporte ao Workshop, o que deverá dar origem a muitas criações interessantes, o jogo terá integração com o Twitch, suporte ao Windows 7 e 8, uma nova engine que permitirá passagem de tempo e gráficos mais bonitos em muitas áreas, como sombras, iluminação, água e anti-aliasing. Os jogadores também podem esperar cartas, salvamento do progresso na nuvem, conquistas e partidas multiplayer.

Como eu não cheguei a jogar muito o Age of Mythology, esta será uma oportunidade para conhecê-lo melhor e como os jogos de estratégia não costumam ser lançados com muita frequência, imagino que a Microsoft novamente irá faturar uma boa grana com este “remake”, até porque, estamos falando de um clássico que possui muitos admiradores.

Sei que algumas pessoas não gostam muito dessas versões remasterizadas, mas eu acho muito legal saber que teremos a oportunidade de conhecer ou de jogar novamente alguns títulos que foram esquecidos pelo tempo e gostaria muito que vários outros recebessem o mesmo tratamento.

continue lendo

emComputadores

Luftrausers levou dois anos e meio para ficar pronto e se pagou em 72 horas

Por em 28 de março de 2014

luftrausers

A Vlambeer é uma desenvolvedora minúscula no sentido literal da palavra, já que conta com apenas dois profissionais, Rami Ismail e Jan Willem Nijman, ambos ex-alunos da Escola de Artes de Utrecht. Entretanto o estúdio se tornou muito popular nos últimos tempos graças a Ridiculous Fishing, um game que se tornou uma febre no iOS e Android. Seu primeiro game foi o título de sucesso moderado Super Crate Box e inclusive desenvolveram Serious Sam: The Random Encounter, um RPG de turnos baseado no personagem da Devolver Digital.

continue lendo

emComputadores Indústria Portáteis Sony

Ether One, o jogo que nos colocará na mente de portadores do Mal de Alzheimer

Por em 20 de março de 2014

ether-one

Com milhares de pessoas sendo diagnosticadas anualmente como sendo portadoras do Mal de Alzheimer e sem muita expectativa de que uma cura seja encontrada tão cedo, aos poucos a doença tem se tornado motivo de estudo e discussões em vários setores de nossa sociedade, incluindo os games.

Esta semana mesmo vimos um projeto que pretende utilizar mundos virtuais para melhorar a qualidade de vida dos pacientes, já o Ether One fará uma abordagem diferente do tema, nos colocando na mente de pessoas que sofrem com a demência.

Seguindo o mesmo estilo de adventures em primeira pessoa que fizeram sucesso recentemente, com o Gone Home e o Dear Esther, o jogo da White Paper Games começará a ser vendido no Steam já a partir do próximo dia 25, sendo mais uma boa opção para quem gosta de games que visam entregar uma experiência que vá além de apenas matar, matar e matar.

No Ether One nossa missão será entrar na mente de pessoas com Mal de Alzheimer e restaurar suas memórias, com um dos seus grandes diferencias sendo a possibilidade de optarmos por dois caminhos para concluirmos a missão, sendo um deles cheio de quebra-cabeças e o outro sendo focado apenas no enredo, praticamente nos levando por uma viagem sobre trilhos, sem que muitos desafios sejam impostos.

Como o tema é interessante e abre portas para que muitas coisas estranhas sejam criadas, acho que o jogo poderá nos entregar uma história e passagens marcantes, mas espero que os criadores não tenham utilizado o Mal de Alzheimer apenas para chamar a atenção das pessoas.

continue lendo

emComputadores Medicina

Decapre é a quinta nova personagem de Ultra Street Fighter IV

Por em 17 de março de 2014

ultra-street-fighter-iv-decapre

Fato: Yoshinori Ono é um fanfarrão. Não é de hoje que o atual produtor da série Street Fighter apronta das suas, afirmando uma coisa e fazendo outra completamente diferente. Ele deve ter aprendido com Yoshiki Okamoto, quando este veio ao Brasil no meio dos anos 90 para estudar capoeira, prometendo uma lutadora nacional que dominasse a arte desenvolvida aqui pelos escravos. O resultado foi visto em Street Fighter III com Elena, uma combatente… do Quênia.

continue lendo

emComputadores Microsoft Sony

Preparem-se guerreiros, o Gauntlet está voltando!

Por em 17 de março de 2014

gauntlet

Nascida nos Arcades no longínquo ano de 1985, a série Gauntlet passou por uma séries de plataformas, mas desde 2005 estava esquecida. Os fãs não viam a hora de voltar aos perigosos calabouços da franquia e graças a Warner Bros. Interactive Entertainment, isso deverá acontecer durante o nosso inverno.

Com a promessa de que o jogo será totalmente refeito, mas que muitas de suas características serão mantidas, como por exemplo os quatro guerreiros que poderemos controlar e que contam com características distintas, esta nova versão será lançada exclusivamente no Steam, com o seu desenvolvimento ficando a cargo da Arrowhead Game Studios, estúdio que ganhou popularidade graças à série Magicka.

“Para nós da Arrohead, o Gauntlet é um dos mais influentes jogos de nossa infância e é fantástico poder trabalhar com a Warner Bros. Interactive em uma nova versão,” declarou o empolgado CEO da desenvolvedora, Johan Pilestedt. “O Gauntlet é uma das propriedades mais originais e conhecidas dos videogames e estamos buscando criar uma nova abordagem, embora fiel à original, sobre esta obra-prima do multiplayer.”

continue lendo

emComputadores Museu