Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Especialistas apontam quebra de segurança de dispositivos USB

Por em 1 de agosto de 2014

pendrive

De acordo com Karsten Nohl, cientista-chefe da SR Labs, todos estamos sujeitos a estarmos portando verdadeiros hubs de hackers em nossos bolsos: segundo pesquisa publicada nesta semana, hackers podem explorar falhas de segurança em dispositivos USB e transformá-los em gasgets que captam informações dos usuários assim que são espetados.

continue lendo

emAcessórios Computação móvel Comunicação Digital Hardware Planeta Sem Fio Segurança Software

Mercado de consoles japonês caiu 16% em 2013

Por em 30 de julho de 2014

market-consoles-japan

E não é só a Nintendo que não anda muito bem das pernas, pelo menos lá no Japão. De acordo com o report anual da Japanese Computer Entertainment Supplier’s Association conseguido pelo analista Serkan Toto, o mercado de consoles em geral sofreu uma grande queda entre 2012 e 2013, enquanto que o de games mobile só cresce.

continue lendo

emGames Indústria

SoFIA, o chip barato da Intel para smartphones de entrada

Por em 30 de julho de 2014

intel-sofia

A Intel sabe muito bem que o futuro está em dispositivos móveis, visto que o mercado de PCs vem encolhendo gradativamente. O processador Bay Trail foi uma boa aposta, vindo ele a equipar tablets Windows, seguido pela aposta para dispositivos mobile Merrifield e Moorefield. Entretanto eles são mais voltados a ultrabooks, tablets e smartphones de média a alta performance. Já no mercado de dispositivos de entrada a aposta é o SoFIA, um chip de baixíssimo custo que é a principal aposta da companhia para introduzir a arquitetura x86 com sucesso no mercado mobile.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Destaque Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Esperando tempo demais em um restaurante? A culpa pode ser sua!

Por em 24 de julho de 2014

Will_Elder_Resstaurant

Calma, eu não estou acusando ninguém e nem dizendo que você é culpado por todas as vezes pelas quais você já teve que esperar para ser atendido em um estabelecimento assim, mas você pode estar contribuindo para eventuais atrasos. E explico.

Um restaurante de Nova Iorque, funcionando há mais de 10 anos, estava recebendo várias reclamações em sites de avaliações à respeito da demora no atendimento e do tempo necessário para se conseguir uma mesa.

Mesmo com mais pessoas na equipe e mesmo com um número médio de clientes estável há anos, tudo parecia mais lento no serviço, portanto algo estava muito estranho nessa equação.

continue lendo

emAnálise Computação móvel Destaque Destaques Planeta Sem Fio

LG G3 chega ao mercado brasileiro por R$ 2,3 mil

Por em 23 de julho de 2014

lg-g3-001

Em evento realizado em São Paulo nesta terça-feira, a LG Brasil lançou oficialmente no nosso mercado o G3, seu atual top de linha e até o momento o smartphone mais moderno disponível. E seguindo a atual estratégia da empresa por aqui, seu preço final está consideravelmente mais baixo do que os similares da concorrência.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Galaxy Note 4 pode contar com corpo de metal e tela flexível

Por em 22 de julho de 2014

galaxy-note-3

Estamos chegando perto daquele momento do ano em que começam a pipocar inúmeros rumores em torno dos dois lançamentos em telefonia móvel mais comentados do meio do ano: o futuro iPhone e a nova versão do Galaxy Note. Ao contrário da Apple, que não consegue guardar segredo e quase todos os fundilhos do aparelho já vazaram, não se viu muita coisa sobre o próximo foblet de ponta da empresa coreana. Até agora.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Quer cremar seus entes queridos? Tem uma app pra isso

Por em 18 de julho de 2014

dark-souls-150

As formas com que os humanos dispõem dos restos mortais de seus mortos são quase infinitas. Mesmo desconsiderando os inúmeros rituais, os passos práticos variam imensamente de cultura para cultura. Na Índia o corpo pode ser jogado no Ganges (não clique) ou cremado em uma cerimônia onde às vezes até a viúva pira e se joga na estrutura homônima. Alguns lugares praticam embalsamamento, em outros casos o enterro não é algo permanente, os jazigos não são perpétuos e as famílias se reúnem para exumar o defunto e transferir os restos para um ossário. É algo cruel e surreal de se ver (de novo, não clique).

No Tibet existe algo chamado “enterro aéreo”, que não, não envolve catapultas, mas o desmembramento do corpo, com direito a fatiar os órgãos e esmagar os ossos com pedras, misturando com farinha e leite. Em uma variação o corpo é disposto inteiro, depois que as aves de rapina deixam só os ossos eles são processados e viram ração de aves menores (preciso avisar?). Há toda uma explicação espiritual, mas o enterro aéreo é realizado por pura necessidade. O Tibet quase não tem árvores, o que inviabiliza cremação ou resomação, e a maior parte do país é pedra e montanha, não dá pra desperdiçar terreno com cemitérios.
continue lendo

emDestaques Hardware Medicina Software