Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

E essa agora: Viber passa a disponibilizar… games!

Por em 16 de dezembro de 2014

viber-games

O Viber definitivamente quer ganhar os usuários pela inovação, ao invés de ficar correndo atrás do que todos fazem. Depois de introduzir os Grupos Abertos, sua mais nova empreitada é no mínimo inusitada: uma plataforma de games sociais.

continue lendo

emCelulares Computação móvel Games Internet Miscelâneas Planeta Sem Fio Software Web 2.0

Da série “só agora?” DeviantArt lança app para iOS e Android

Por em 11 de dezembro de 2014

deviantart-001

O DeviantArt é sem dúvida a maior comunidade online de artistas visuais que existe. Desenhistas, fotógrafos, animadores, cosplayers… você encontra portfólios dos mais diversos tipos e de diversos temas (pr0n inclusive). Só há um problema: por algum motivo inexplicável o site não possuía apps mobile, sua navegação só era possível através de browsers. Porém antes tarde do que nunca isso está sendo remediado agora.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Computação móvel Internet Miscelâneas Planeta Sem Fio Software Web 2.0

Viber aposta na inovação para se destacar

Por em 14 de novembro de 2014

viber-mascots

O Viber não se vê como um mero aplicativo de mensagens, e deseja se firmar no mercado como uma plataforma social, que fala a linguagem do cliente. E mais: indo na direção oposta de seus oponentes, a empresa busca inovar para atrair mais consumidores ao invés de adicionar funcionalidades “mais do mesmo”, que todo mundo possui.

Foi o que o diretor-geral do Viber para o Brasil Luiz Felipe Barros afirmou em uma entrevista para o MeioBit, concedida nesta quinta-feira.

continue lendo

emComputação móvel Internet Mercado Planeta Sem Fio Software Web 2.0

Twitter salva TwitPic aos 49″ do segundo tempo

Por em 27 de outubro de 2014

sofia-vergara-twitpic

Quando o Twitter resolveu que mudaria suas APIs, fechando a porta na cara de muitos apps menores o caos se instaurou, e não foi bonito. Alguns clients deram mais sorte, como o Tweetbot e o Twwetdeck, esse último comprado pela própria empresa e virou client oficial (ainda que bem desfigurado). O mesmo aconteceu com serviço de hospedagem de fotos, que vitimou principalmente o TwitPic, aquele que mesmo sendo horroroso foi por muito tempo o principal repositório de fotos do popular site de microblogs.

O serviço anunciou sua morte, mas ainda não é hora para pânico: o Twitter anunciou neste sábado que adquiriu a empresa, mas não pense você que tudo voltará a ser como antes.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Notícias Software Web 2.0

Facebook quer saber como anda a sua saúde

Por em 3 de outubro de 2014

facebook

O Facebook já sabe quase tudo sobre sua vida. Quem são seus amigos, quais são seus gostos, seus lugares favoritos, basicamente todos os seus assuntos de interesse. Agora a rede social se prepara para aprender uma nova coisa sobre você: saber como vai sua saúde.

continue lendo

emSoftware Web 2.0

Rússia exige que Google, Facebook e Twitter armazenem dados no país

Por em 26 de setembro de 2014

vladimir-putin

Vladimir Putin está trabalhando duro para fazer com que a Mãe Rússia volte a funcionar nos moldes da extinta URSS. O ex-KGB (eu sei, não existe tal coisa) deseja manter o controle da informação de seu país com mão de ferro, e as últimas medidas tomadas pelo Kremlin mostram isso. Agora a mais recente lei assinada pelo presidente russo, que visa obrigar empresas de internet e se submeterem ao escrutínio dos censores está entrando em ação.

continue lendo

emGoogle Internet Segurança Telecom Web 2.0

Engenheiros de hardware se desdobrando pra atender demanda do Facebook

Por em 25 de setembro de 2014
photo-51

Engenheiros são obrigados a inventar soluções criativas para atender a alta demanda gerada pelas redes sociais.

Existem algumas maneiras bem consolidadas de fazer as coisas quando se trata de engenharia de computadores e na maior parte do tempo os engenheiros simplesmente seguem estas regras porque não há muito sentido em ficar se debatendo contra elas. Francamente, pelo que me dou conta, a maioria nem mesmo pensa nessas regras. Parece que as coisas não são tão claras assim quando se trata de algo na escala do Facebook. O TechCrunch visitou o laboratório de hardware da rede social do Sr. Zucke e conversou com o diretor geral de engenharia, Matt Corddry, para tentar entender como as coisas são feitas em uma escala tão grandiosa.

Desde que o Facebook começou a construir muito do hardware que eles usam, os engenheiros puderam ter a liberdade de reimaginar como as coisas são feitas. E quando você faz equipamento na escala do Facebook, isso significa ser criativo. “Nós entendemos nossos desafios, custos, ambiente operacional e necessidades muito melhor do que qualquer consultoria externa e podemos focar e nos especializar naquilo que realmente importa para o Facebook”, disse Corddly.
continue lendo

emDestaques Web 2.0