Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Chrome para iOS ganha histórico de navegação sincronizado e modo de tela cheia no iPad

Por em 18 de julho de 2013
Histórico sincronizado exibe, no iOS, todos os sites acessados pelo usuário

Histórico sincronizado exibe, no iOS, todos os sites acessados pelo usuário

Para quem utiliza mais de um dispositivo para acessar a Internet, sincronia é algo fundamental. Afinal, não é nada cômodo acessar um site no desktop e ter que lembrar o endereço dele no celular ou tablet, só porque o navegador não sincroniza tais informações. Se, assim como eu, você utiliza o Chrome como navegador padrão em todos os seus dispositivos, tem ao menos um iTreco e ativou a sincronia de informações entre eles, tenho uma boa notícia para você.

continue lendo

emGoogle Software

Google quer iniciar serviço de TV por assinatura online

Por em 17 de julho de 2013
Google TV

Crédito da imagem: reprodução.

O Google está entrando na corrida para lançar seu próprio serviço de TV por assinatura online. A empresa de Mountain View já está em contato com as redes de TV para licenciar seus conteúdos, que seriam transmitidos via streaming.

A Intel e a Sony também estão trabalhando em projetos similares, enquanto a Apple já vem tentando alguns acordos com as redes há alguns anos.

O Google vai na contramão de serviços estabelecidos como Netflix, Hulu e Amazon, que oferecem streaming on-demand (sistema onde você escolhe quando e o que assistir), já que pretende oferecer canais convencionais de TV, da mesma forma que funciona a TV por assinatura normal.

continue lendo

emInternet

[Review] – Duas semanas explorando o Google Glass

Por em 17 de julho de 2013
eddie_glass_14

Google Glass, clique aqui para um tamanho maior.

A minha ideia inicial era sair do Google usando o Glass à caminho de casa, pois teria umas 7 horas de viagem de volta para Pittsburgh. Só que, devido ao cansaço e por não ter bateria suficiente, deixei meu Glass na sacola. Aí o arrependimento veio logo, pois para pegar a estrada eu teria de passar pelo Holland Tunnel praticamente ao lado do novo prédio World Trade Center. Tudo bem, tirei fotos pelo HTC One mesmo, enquanto a esposa tirava com a Canon dela.

Voltando para Pittsburgh

Depois de 3 horas de viagem e na primeira parada no Burger King, não me aguentei e peguei o Glass. Deu para testar bem o GPS, principalmente à noite. Desde então, duas semanas se passaram e agora com calma posso contar a experiência de usar o Glass todos os dias, nas ruas, lanchonetes, lojas e lugares públicos. Se possível, tentarei ao máximo descrever como foi usar o Glass nestas duas semanas, mas antes algumas observações que gostaria de considerar.
continue lendo

emDestaques Google Hardware Resenha

Google Street View leva os usuários a um passeio pela Torre Eiffel

Por em 16 de julho de 2013

google_street_view_torre_eiffel_vista

Atualmente, quando se fala em viajar, é praticamente unanimidade que as pessoas pensam em dar uma olhadinha no Street View para obter mais informações sobre os possíveis destinos. O serviço do Google, além de permitir que se tenha uma noção sobre as redondezas de onde se ficará hospedado, também permite que se conheça os pontos turísticos mais importantes da localidade, mas, obviamente, não é só neste aspecto que ele é importante. Com o Street View podemos fazer passeios em locais que jamais pensamos em conhecer ao redor de todo o mundo.

google_street_view_torre_eiffel_historia

Constantemente atualizando o seu “menu” de opções, o Google acaba de liberar um passeio pela Torre Eiffel, um dos símbolos mais importantes de Paris, monumento construído há mais de 120 anos e o mais visitado no mundo, por onde já passaram mais de 250 milhões de pessoas. Além de um passeio através do Street View, o Google, em parceria com a empresa responsável pela administração da torre, adicionou a Torre Eiffel ao Instituto Cultural Google.

continue lendo

emGoogle Internet Meio Bit

Google Play tem interface totalmente reformulada

Por em 16 de julho de 2013

google_play_nova_interface_home

Na calada da noite, o Google liberou a nova interface da Google Play, a lojinha de aplicativos da gigante das buscas. Com cores mais vibrantes e imagens gigantes, a nova interface ficou muito mais parecida com a disponível para celulares com Android, uma clara tentativa de padronizar a experiência do usuário.

No menu, localizado no canto superior esquerdo, o usuário pode navegar entre as opções Aplicativos, Filmes e Livros, além de poder acessar facilmente a sua “lista de desejos”. Ao acessar a listagem de aplicativos, seja os já comprados ou frutos de uma pesquisa, o usuário se depara com imagens enormes e poucos detalhes sobre os aplicativos.

Um ponto negativo é que, agora, não há mais uma listagem dos apps “comprados” e não instalados separada da dos instalados. Aparece tudo junto e misturado em uma só listagem. Como eu sempre excluo, da minha conta, os apps que não uso mais, não tenho problema. Mas, certamente, isso será um problemão para os usuários que nunca excluem apps de suas contas.
continue lendo

emGoogle Internet

[Unboxing] Explorando o belo Google Glass em seus primeiros ajustes

Por em 16 de julho de 2013

Quando a minha irmã perguntou o que era o brinquedinho que eu estava usando, ao invés de explicar, preferi mostrar o vídeo demonstrativo do Glass produzido pela Google. Após ela assistir por uns 2 minutos, olhou pra mim e perguntou: então, pra que serve? Naquele momento vi que nem a Google conseguiu explicar a concepção do Glass. A melhor maneira de explicar foi deixá-la usar o Glass e em menos de 30 segundos ela já estava maravilhada.

Realmente nem gravando video ou escrevendo conseguiria descrever o que é o Google Glass, mas tentarei relatar a minha experiência de duas semanas usando o Glass.

Como diria o poeta, vamos começar pelo começo.

Tudo deu início no dia 28 de fevereiro, último dia de terminar as inscrições para concorrer a oportunidade de ser um dos 8.000 Glass Explorers que a Google iria selecionar para testar e ajudar no projeto Glass. Para participar bastaria enviar um tweet com a #ifihadglass contando o que você faria se tivesse o Google Glass. Enviei 2 tweets – o que era permitido – e no dia 27 de março fui um dos 8.000 Glass Explorers – como somos chamados – selecionado nos EUA.

continue lendo

emDestaques Google Resenhas Unboxing

Riot Games aparece em lista das melhores empresas para se trabalhar

Por em 15 de julho de 2013

riot-games_15.07.13

Querendo saber quais seriam as melhores empresas de tecnologia para se trabalhar, o site Business Insider realizou uma parceria com o Glassdoor, popular serviço de recrutamento online e das 25 citadas, há de se registrar que apenas uma atua na indústria de jogos eletrônicos, a Riot Games.

Conhecida pelo League of Legends, um dos mais jogados títulos da atualidade, a desenvolvedora aparece na quarta posição da lista que é liderada pelo Facebook e ainda teve o privilégio de estar melhor posicionada que gigantes como o Google, Intel e Apple.

Para chegar ao resultado os organizadores levaram em consideração as informações anônimas que funcionários deixam no Glassdoor, onde avaliam o local de trabalho, a cultura da companhia, a remuneração e a maneira como os chefes lhes tratam e no caso da Riot a nota foi 4,4 (de 5 possível), sendo que a índice de aprovação do CEO Brandon Beck ficou em 100%.

Todos aqui são imensamente apaixonados pelo o que fazem e se você não aprende alguma coisa todos os dias, talvez esteja no escritório errado,” declarou um funcionário da Riot Games. “A companhia cuida muito da gente e tenta a cada passo ter certeza de que estamos engajados cultural, intelectual e socialmente com a indústria e uns com os outros. É de longe o melhor lugar em que já trabalhei.

Na média os estúdios de games registraram notas entre 3,0 e 3,5 e há de se salientar porém que outras empresas obtiveram avaliações maiores, como a Valve e sua nota 5, mas como apenas um pequeno número de funcionários deram seus depoimentos ao Glassdoor, elas não puderam entrar na lista.

No caso da Riot, eu já conversei com algumas pessoas que trabalham ou trabalharam na divisão brasileira da companhia e todas elas falaram muito bem da maneira como as coisas funcionam por lá.

[via Massively]

emGames Indústria