Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Google estaria exigindo o logo do Android nos novos smartphones

Por em 30 de março de 2014
Laguna_Galaxy_S5_Android_Splashscreen

Galaxy S5 na MWC 2014 (Crédito: Android Central)

O que faz de um smartphone um Android? Bom, é óbvio que ele tem que usar no mínimo o AOSP, os drivers do hardware propriamente dito e os aplicativos compatíveis com o tal kernel.

Um smartphone Nexus, por exemplo, serve de vitrine para o GMS — Google Mobile Services — pacote de aplicativos e APIs do Google, sendo o Google Play Store o de maior destaque e interesse entre os desenvolvedores Android.

A maioria dos fabricantes de smartphones Android incluem modificações e aplicativos próprios, além de crapware software das operadoras de telefonia celular, mas não deixam de incluir o GMS por acordos com o Google. Amazon e Nokia, pelo contrário, preferem trocar os serviços Google por pacotes que incluam suas lojas e serviços exclusivos de seus aparelhos.

A mais recente novidade entre os dispositivos Android foi notada graças à splash screen de novos smartphones como Nexus 5, HTC One M8 e Galaxy S5. É o clássico logotipo “Powered by Android” lá do Nexus One, que agora é exigido das fabricantes de novos smartphones Android que queiram ter acesso a serviços Google como a lojinha de aplicativos.

Tal inclusão do logotipo tem seu próprio conjunto de diretrizes do Google e o “Powered by Android” deve estar presente na tela de boot para que os fabricantes tenham acesso ao Google Play Store em novos dispositivos.
continue lendo

emDestaques Google Linux Mercado Open-Source Software

Google Play leva filmes e séries do Android ao iOS

Por em 16 de janeiro de 2014

google_play_ios

Há algumas notícias que, sem dúvida, acabam nos pegando com as calças nas mãos. Esta não foi diferente. O Google liberou, na noite desta terça-feira, uma versão do Google Play para dispositivos com iOS. O que isto quer dizer? A partir de agora, todo e qualquer usuário do Android poderá ver, em seus iDevices, filmes e séries comprados na lojinha do Google.

Além disto, o lançamento do novo aplicativo, disponível para iPhone, iPod touch e iPad, também permitirá que os usuários comecem a barganhar pesquisar, nos acervos da Google Play e iTunes Store, quais filmes e episódios estão mais baratos em cada uma das lojas e, assim, economizar alguns trocados.

Obviamente que, como o Google não é bobo e não quer perder grana, não permitirá que os usuários comprem nada através do Google Play para iOS, obrigando, assim, o usuário a efetuar a compra através do navegador ou dispositivo com Android. O motivo para tal restrição, assim como é feito pela Amazon com o Kindle, é simples: a empresa da maçã cobra 30% sobre qualquer venda feita por dentro dos aplicativos para iOS.

Nesta primeira versão, o Google Play para iOS permite que os usuários assistam suas séries e filmes somente via Wi-Fi. Além disto, inicialmente, as séries estarão disponíveis apenas para os Estados Unidos, Reino Unido e Japão. Os felizes proprietários de um Chromecast poderão curtir todo o conteúdo, via streaming, diretamente da tela dos aparelhos de TV.

Confesso que não sei se me surpreendi mais com a ousadia do Google em lançar este aplicativo para iOS ou com o fato de a Apple ter aceitado a publicação dele sem maiores problemas. O fato é que, diferente do que ocorre em muitas brigas por empresas concorrentes, neste caso, os usuários só têm a ganhar com a possibilidade de escolher o fornecedor de conteúdo que melhor atendê-lo.

Vale ressaltar, no entanto, que este não é o primeiro passo do Google no sentido de levar o conteúdo do Android aos dispositivos com iOS. A empresa já lançou, para o sistema operacional móvel da Apple, aplicativos que permitem o acesso aos livros, revistas e músicas compradas na Google Play.

emApple e Mac Google Internet Software

Google pede que usuários do Gmail criem um perfil no Google+

Por em 27 de novembro de 2013

gmail_perfil_google_plus

Desde o lançamento do Google+, há pouco mais de dois anos, o Google tem deixado claro que o serviço social é a menina dos olhos da gigante das buscas. Com o passar do tempo, foi possível ver diversas integrações entre o G+ e diversos produtos e serviços, como Gmail, Blogger, YouTube e Google Play.

Em alguns casos, como no dos comentários do YouTube e reviews da lojinha de aplicativos do Android, a empresa decidiu que seria obrigatório ter um perfil no serviço social para utilizar total ou parcialmente o serviço. Em outros, como no Gmail, os usuários com um perfil no G+ apenas desfrutavam de algumas funcionalidades adicionais, mas continuavam podendo utilizar normalmente o serviço de e-mail sem qualquer problema. Só que isso pode estar prestes a mudar.
continue lendo

emGoogle Indústria Web 2.0

KitKat, a versão 4.4 do Android

Por em 3 de setembro de 2013
Estátua do mascote do Android 4.4 KitKat nos jardins do Google

Estátua do mascote do Android 4.4 KitKat nos jardins do Google

Desde os primórdios, o Google sempre utilizou nomes de gostosuras doces nas versões do Android. Começou pelo Cupcake, passando por Donut, Eclair, Froyo, Gingerbread, Honeycomb, Ice Cream Sandwich, até chegar ao Jelly Bean, que nomeia não somente uma, mas três versões da plataforma móvel da empresa. Até hoje, todos os rumores apontavam que a nova versão do Android (na verdade, deveria ter sido a 4.3) se chamaria Key Lime Pie, mas, aparentemente, o Google mudou de ideia.

continue lendo

emCelular Google Internet Software

Twitter lança programa de beta tester para Android

Por em 30 de agosto de 2013

twitter_android_beta_tester

Se há algo que eu gosto de fazer muito, é comer testar novidades em produtos e serviços. Como colaborador do Google, já tive a felicidade de colocar as mãos (êpa!) em novidades antes dos usuários e, confesso, a sensação é muito boa (#mimimi fanboy do Google #mimimi). Mas, sinceramente, ainda mais gratificante do que ter acesso a algumas coisas quase que com exclusividade, é poder enviar o feedback aos desenvolvedores e, assim, ajudar a corrigir problemas e, em alguns casos, até modificar o funcionamento de certas coisas.

continue lendo

emDestaques Google Internet Software

Google Keep para Android ganha lembretes por hora e geolocalização e integração com o Now

Por em 23 de agosto de 2013
Usuário pode criar lembretes baseados na localização geográfica

Usuário pode criar lembretes baseados na localização geográfica

O Google começou a liberar, nesta quinta-feira, uma atualização do Google Keep aos usuários do Android. Talvez a mais significativa atualização no app desde o seu lançamento, a versão 2.0 passa a contar com o sistema de lembretes para as tarefas adicionadas pelos usuários. Eles podem funcionar tanto de acordo com uma data e hora estabelecidas pelo usuário, como pela geolocalização. Basta que o usuário defina um local e, quando chegar nele, o aplicativo cuidará de alertá-lo.

Além dos dois tipos de alertas, o aplicativo também ganhou integração com o Google Now. O assistente virtual do Google se encarregará de manter o usuário informado sobre as suas futuras tarefas, caso tenha o app instalado/ativado no aparelho. O aplicativo também ganhou a possibilidade de o usuário adicionar imagens da “Galeria” do dispositivo aos lembretes, uma vez que, até então, somente era possível adicionar fotografias tiradas na hora.
continue lendo

emComputação móvel Google Internet Software

YouTube para Android e iOS recebe uma reformulação geral e ganha PiP e pesquisa por playlists

Por em 21 de agosto de 2013
Novo aplicativo permite ver os vídeos enquanto se pesquisa no serviço

Novo aplicativo permite ver os vídeos enquanto se pesquisa no serviço

Em uma só tacada, o Google disponibilizou novas versões do seu app do YouTube para Android e iOS. Numa primeira olhada, fica claro que um dos objetivos da empresa é fazer com que os usuários tenham a mesma experiência, independente da plataforma utilizada. O menu lateral ficou muito parecido com o do Google+, assim como o sistema de exibição da listagem de vídeos, que também é similar ao do serviço social e com o do Google Now: em “cards”.

continue lendo

emApple e Mac Celular Computação móvel Download Google Internet Software