Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Roteiristas do Toy Story negociam filme sobre Farmville

Por em 10 de outubro de 2011

dori_farm_10.10.11

Às vezes fica difícil ter esperança no futuro da humanidade de Hollywood. Depois de ter visto recentemente o belíssimo A Árvore da Vida e de ter voltado a acreditar que bons filmes podem ser feitos nos Estados Unidos, abro o meu navegador e dou de cara com a notícia de que um longa-metragem baseado no FarmVille está em produção.

[Pausa para assistir novamente 2001: Uma Odisseia no Espaço, Taxi Driver, O Poderoso Chefão... morrer, ressuscitar e continuar o texto.]

A informação foi revelada durante uma entrevista por Alec Sokolow e Joel Cohen, roteiristas do Toy Story e que estão trabalhando no jogo Skylanders Spyro’s Adventures. Ao serem questionados sobre seus projetos para o cinema, a dupla confirmou estarem negociando com a Zynga a criação do enredo de um filme sobre uma de suas franquias e embora não tenham dito o nome do jogo, fizeram uma brincadeira com uma música infantil que deixa claro que estavam falando do título em que cuidamos de uma fazenda.

Filmes sobre os jogos Asteroids, The Sims, Crazy Taxi, Angry Birds (Ah, tem o rumor sobre um do Mafia Wars também)… Aonde a “criatividade” da indústria de cinema irá parar? Sinceramente não sei e tenho medo de pensar no que mais eles irão querer transformar em filme, mas o fato é que os executivos de Hollywood não medirão esforços para lucrar alguns milhões de dólares em cima do nome de marcas famosas dos games e quem gosta de boas produções que se vire para encontrar algo como a criação de Terrence Malick no meio de tantas porcarias enlatadas/recicladas/regurgitadas.

[via IGN]

emComputadores Cultura Gamer Games Web Games

Filme sobre Halo pode sair em 2012 e com Spielberg

Por em 6 de outubro de 2011

dori_hal_06.10.11

Os rumores sobre um filme baseado no universo Halo são bem antigos e a possibilidade esfriou quando os custo de produção mostrou-se exorbitante. Meses depois o filme voltou a ser cogitado, com o nome do cineasta Steven Spielberg aparecendo como interessado e nascia a esperança de que algo muito bom pudesse sair do projeto.

Agora a possibilidade volta a ganhar força, já que o site Halo.fr pulicou a informação de que o kit de divulgação do livro Halo: Cryptum traz um trecho onde é dito que o filme está programado para 2012 e que seria produzido pela Dreamworks, contando com o famoso diretor de cinema, embora não tenha sido descrito como seria a sua participação.

Vale lembrar que já foi dito que o Peter Jackson poderia trabalhar no longa-metragem, provavelmente como produtor executivo e como ele e o Spielberg estarão juntos na animação As Aventuras de Tintim, não é de se duvidar que repitam a parceria no filme sobre o Halo.

Só acho que o prazo está apertado demais, ainda mais se considerarmos que provavelmente estamos falando de uma megaprodução, então, ou a editora do livro baseou-se numa notícia velha publicada na internet, ou conseguiu acesso a um dos maiores segredos de Hollywood.

[via Halo Bungie Org]

emCultura Gamer Microsoft Rumores

Dead Island virará filme

Por em 28 de setembro de 2011

doridead_28.09.11

A Lions Gate Entertainment (Jogos Mortais, O Justiceiro, Kick Ass – Quebrando Tudo) anunciou ter fechado uma acordo com a Deep Silver para criar um filme sobre o Dead Island. Ainda em estágio inicial de desenvolvimento, nada foi dito sobre os atores que serão escalados ou mesmo o diretor, mas já sabemos que a produção ficará a cargo de Sean Daniel (Tombstone – A Justiça Está Chegando e A Múmia).

Um detalhe interessante é que o estúdio afirma que parte do que os fizeram adquirir os direitos foi aquele incrível trailer de divulgação que apresentou o jogo ao grande público, o que ficou claro no comunicado à imprensa, onde dizem que o filmes “será uma inovação para o gênero de zumbis por causa do foco na emoção humana, laços de família e num enredo não-linear.

Esse é exatamente o tipo de propriedade que estamos procurando adaptar na Liongate – sofisticado, frenético e uma verdadeira exaltação de um gênero que conhecemos e amamos. O jogo também criou uma marca reconhecida em todo o mundo e tem potencial,” declarou Joe Drake, COO da Lionsgate.

Gostei da notícia, mas ao pensar em filme de zumbi baseado num jogo, não consigo deixar de sentir calafrios ao lembrar do Resident Evil e do House of the Dead.

[via CVG]

emCultura Gamer

Filme sobre Mass Effect ganha alguns (poucos) detalhes

Por em 23 de setembro de 2011

dori_mass_21.09.11

Houve uma época em que praticamente toda semana surgia a notícia de que algum jogo seria transformado em filme (maldito Uwe Boll!) e misteriosamente essa tendência diminuiu consideravelmente. Não sei se porque os estúdios perceberam que não bastava utilizar uma marca famosa para garantir o retorno financeiro ou se as donas das franquias se deram conta de que estavam correndo um enorme risco de queimar suas galinhas dos ovos de ouro, mas para a sorte dos fãs nem todos os projetos anunciados foram concluídos.

Um dos que haviam sumido da mídia era o filme baseado na série Mass Effect, mas através do Twitter a Legendary Pictures participou de uma seção com perguntas e respostas durante a última Comi-Con e só agora foram respondidas as dúvidas dos fãs. Infelizmente eles não entraram muito em detalhes e poucas perguntas foram selecionadas, revelando que a produção não será baseada nos jogos já lançados, contando uma nova história, que terá como protagonista a versão masculina do comandante Sheppard e que a princípio a intenção é criar um bom filme e não uma trilogia.

Não chega a ser nada muito revelador, mas ao menos serve para confirmar que o filme ainda está sendo feito e será que mais alguns de vocês tem esperança de que saia algo bom disso aí?

[via Gamefront]

emCultura Gamer

Uwe Boll levará jogo do Amiga para o cinema

Por em 6 de setembro de 2011

Eu nunca tive muito contato com um computador Amiga, mas mesmo sem conhecer grande parte dos títulos lançados para ele, como é o caso do jogo de tiro em primeira pessoa Zombie Massacre, posso dizer que já estou indignado por saber que ele será transformado em um filme.

Digo isso porque se já não bastasse a ideia de adaptar um jogo um tanto obscuro que nada mais é do que uma cópia do Doom lançado em 1998, quando a máquina já não fazia mais tanto sucesso, sou obrigado a acreditar que o longa-metragem será uma imensa porcaria devido ao nome de Uwe Boll creditado como produtor no pôster de divulgação.

Pelo menos ele não será o responsável pela direção, porém, vale dizer que a função será assumida por Luca Boni e Marco Ristori, ambos co-diretores do filmes Eaters, último trabalho do alemão Boll, portanto, acho que não temos como ficar esperançosos em relação a adaptação.

Por mais que o tema seja um dos que mais me atraia, eu provavelmente passarei longe deste aí e sinceramente, as vezes acho que a qualidade dos filmes de Uwe Boll são assim de propósito, porque sinceramente, não é possível que alguém seja tão ruim como ele.

continue lendo

emCultura Gamer Museu

Responsável por Zelda gostaria de fazer filme sobre a série

Por em 11 de agosto de 2011

dori_zeld_11.08.11

Sempre que falamos em levar um jogo para o cinema a reação dos fãs é de que algo bom dificilmente surgirá da iniciativa e apesar de contar com uma grande quantidade de bons títulos e que sempre trazem localizações fantásticas, a série The Legend of Zelda talvez não seja aquela que esteja no topo da lista de adaptações que os gamers gostariam de ver e acho que posso dizer que estou incluído entre eles.

Mesmo assim, saber que Eiji Aonuma gostaria de comandar um longa-metragem fez com que eu pensasse com mais carinho na possibilidade. A revelação foi feita pelo principal responsável pelos últimos games estrelados por Link ao ser questionado sobre o que gostaria de fazer para a comemoração de 25 anos do nascimento da série.

Se o que estamos falando é algo como uma aproximação do tipo ‘o céu ó limite,’ eu sempre pensei que seria muito legal ter um filme baseado no The Legend of Zelda, algo realmente grandioso e abrangente. Mas é claro, eu não tenho nem tempo nem recursos para tudo isso e mesmo que tivesse o dinheiro para fazer um filme assim, não sei se sairia algo bom. Mas houve aqueles dias em que fantasiei sobre o quão legal seria se algo assim pudesse acontecer no futuro.

Se a direção ficasse mesmo nas mãos de alguém tão ligado à franquia como Aonuma, acho que até poderia dar certo e um bom exemplo é aquele vídeo falso criado para um 1º de abril. Mas aí me lembro desse comercial e as minhas esperanças praticamente acabam.

[via Zelda Infomer]

emCultura Gamer Nintendo

Documentário mostrará a vida de desenvolvedores indies

Por em 25 de junho de 2011

Na minha opinião, existe algo nessa geração que foi mais importante para os games do que a a interação social entre os jogadores, o avanço na qualidade gráfica ou a distribuição por download (embora esta última tenha grande responsabilidade no sucesso deles). Os jogos independentes trouxe um sopro de inovação à indústria, ressuscitou gêneros que andavam esquecidos e o melhor de tudo, permitiu que muitos desenvolvedores disponibilizassem ao mundo suas ideias e tem incentivado que outras pessoas se interessem em criar jogos eletrônicos.

Então, como não ficar extremamente feliz e deixar de apoiar uma iniciativa como o Indie Game: The Movie? O documentário segue os passos de alguns dos desenvolvedores independentes mais famosos do mundo, como Edmund McMillen e Tommy Refenes, criadores do Super Meat Boy, Jonathan Blow, responsável pelo Braid e Phil Fish, que está trabalhando no aguardado Fez. O filme tentará mostrar o lado mais humano dessas pessoas, contando as dificuldades encontradas no desenvolvimento e deixando de lado informações técnicas sobre as criações. Pelo trailer abaixo, o trabalho realizado pelos diretores James Swirsky e Lisanne Pajot parece ser de altíssima qualidade.

Em fase final de produção, o filme precisava de US$ 35 mil para ser concluído, valor que já foi alcançado graças a uma uma vaquinha organizada pelos responsáveis, onde qualquer um pode dar sua contribuição e a partir de uma certa quantia doada, você terá direito a ter o seu nome no filme ou ganhar alguns itens. Só é uma pena que provavelmente não teremos uma versão legendada por aqui, mas se você pretende trabalhar na área ou simplesmente goste de videogame, acho que valerá a pena tentar assistir o filme quando ele for lançado.

continue lendo

emCultura Gamer