Digital Drops Blog de Brinquedo

Loja brasileira “vaza” informações do Moto X+1 e Titan

Por em 25 de agosto de 2014

moto-x-1-evleaks

Estamos a uma semana do que pode vir a ser o lançamento de uma nova linha de dispositivos da Motorola, o primeiro grande rol de novidades desde seu desligamento do Google e sua aquisição pela Lenovo. Começaram a surgir diversas informações acerca do aparelho, apontando para um hardware levemente atualizado (mas não muito), e agora uma pequena loja brasileira “vaza” informações ao confirmar a pré-venda tanto do X+1 quando do Titan, o suposto sucessor do Moto G.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Capcom traz clássicos dos arcades de volta no Japão

Por em 25 de agosto de 2014

arcade-003

Uma das minhas maiores tristezas do cenário gamer no Brasil é ver a decadência das arcade houses, as famigeradas casas de fliperama. Enquanto que nos Estados Unidos ela ainda sobrevivem (mesmo que de forma modesta), no Brasil elas praticamente desapareceram. Era muito bom acordar num sábado de manhã com o bolso cheio de moedas, ir até “fliper”, gastar tudo em fichas e ficar jogando o dia inteiro, sejam jogos antigos ou os lançamentos.

Claro que o mercado arrefeceu graças a computadores e consoles cada vez mais potentes, mas diferente daqui, outros mercados mantém a tradição das grandes casas de arcades sempre com gente circulando. Desnecessário dizer que o Japão é um deles, e logo os jogadores mais saudosistas poderão apreciar quatro clássicos da Capcom, que

continue lendo

emCultura Gamer Games Museu

Hasselblad H5D 200c MS — 200 megapixels com sensor CMOS

Por em 23 de agosto de 2014

A notícia não é nova, mas está se estendendo a quase toda a linha Hasselblad de câmeras de médio formato. A mudança dos sensores CCD para sensores CMOS agora abrange todas as vertentes das câmeras de médio formato da empresa e, embora não tragam ganho de preço para o consumidor (é justamente o contrário), deixam as câmeras mais flexíveis para utilizações externas. Para quem não sabe, as câmeras de médio formato eram lentas e com pouca sensibilidade ISO (chegavam a ISO 800) o que limitava o seu uso a situações com iluminação controlada (estúdio fotográfico ou locações com muito flash). O CMOS trouxe mais velocidade e uma sensibilidade ISO que chega a 6400.

Agora chegam ao mercado as H5D 50c MS e a  H5D 200c MS, câmeras que podem chegar a 200 megapixels de resolução máxima e que executam, para isso, 4 e 6 disparos, respectivamente. A tecnologia não é nova, pois já foi utilizado em um modelo anterior, mas agora temos a velocidade e versatilidade de um sensor CMOS equipamento as câmeras. Assim como nos modelos tradicionais, o sensor possui 50 megapixels de resolução máxima. A resolução de 200 megapixels é alcançada com disparos consecutivos onde o sensor se move (no tamanho exato de 1 pixel) em cada imagem. Assim as 6, ou 4, imagens são unidas, gerando um arquivo de alta resolução. Como muitos já perceberam, esse tipo de uso é bem restrito. A Hasselblad cita, no release oficial, a reprodução em alta resolução de obras de arte que se encontram em museus.

Outra vantagem do processo é aumentar, consideravelmente, a captura de detalhes de cor. Isso se explica pela movimentação da matriz bayer do sensor e a captura em todas as três cores primárias (vermelho, verde, azul) do mesmo ponto, diminuindo assim a necessidade de interpolação de cores. O sensor possui tamanho físico de 43,8 × 32,9 mm com pixels de 5,3 microns. As imagens geradas possuem 8272 × 6200 pixels que geram um arquivo RAW de 75 MB (modo de disparo único). Imagens captadas no modo de 6 disparos geram um arquivo com 16.544 × 12.400 pixels que podem chegar a um tamanho de 400 MB em RAW e 600 MB em TIFF. Existe o modo aberto da captura em 6 disparos, onde não existe nenhum tipo de rédea no tamanho do arquivo, onde cada foto pode chegar a 1,2 GB. Mesmo tendo a limitação do tamanho do arquivo, que obviamente necessita de uma unidade de gravação externa de dados, o fato da câmera ser mais rápida (comparada com o modelo anterior) vai permitir o seu uso em ambientes onde a luz não seja absolutamente controlada. Um avanço para quem trabalha com ensaios externos.

Agora as más notícias. Embora, teoricamente, o sensor CMOS seja uma tecnologia mais barata do que o CCD, os valores das novas versões continuam salgados. A H5D 50c MS tem valor anunciado (no Reino Unido) de £ 23.895 (mais impostos) e a H5D 200c MS deve chegar ao consumidor por £ 29.895 (mais impostos). Ainda não existem preços para o mercado americano. Uma bela facada em seu orçamento.

hasselblad_H5D_200c_MS

Fonte: Dpreview.

emÁudio Vídeo Fotografia Destaque Destaques Equipamentos

Free Play Day with Gold pode oferecer game de graça por 24 h

Por em 22 de agosto de 2014

max-free-one-day-001

Uma imagem controversa postada no Reddit e de certa confirmada pelo suporte da Microsoft levantou suspeitas sobre uma futura nova oferta da Xbox Live Gold: games gratuitos por um dia para seus assinantes.

continue lendo

emGames Microsoft

Falha dá a hackers acesso a smartphones em tempo real

Por em 22 de agosto de 2014

hack-android-check

E lá vamos nós para mais um capítulo da série “o que você anda acessando em seu smartphone?” Pesquisadores do Colégio de Engenharia da Universidade da Califórnia e da Universidade de Michigan descobriram uma falha grave que segundo eles, ocorre nas três principais plataformas mobile: Android, iOS e Windows Phone (os dois últimos teoricamente). Através dela, hackers poderiam ter acesso a informações confidenciais através de códigos maliciosos contidos em apps inócuos.

continue lendo

emApple e Mac Computação móvel Comunicação Digital Destaques Google Microsoft Planeta Sem Fio Segurança Software

Robô imprime quadro usando o sangue de seu próprio criador

Por em 22 de agosto de 2014


Ghost In The Machine (blood robot selfie)

Calma, eu não estou falando aqui, nem sugerindo, que um robô resolveu se vingar dos humanos e, num rompante sádico e macabro, matou seu criador e fez um quadro dele com o próprio sangue da vítima, apesar de isso ser um bom começo de enredo de filme B.

Fica a dica para o Cardoso passar para seus amigos escritores do Facebook.

Trata-se de uma obra do artista Ted Lawson, na qual ele usa um robô com complexo de impressora para pintar um quadro de si mesmo, usando seu sangue como tinta.

continue lendo

emDestaques Hardware Manipulação digital Miscelâneas Robótica

Ouya une-se à Xiaomi para levar sua plataforma para a China

Por em 22 de agosto de 2014

ouya

O Ouya está numa espiral descendente intensa. Outrora uma sensação, com o tempo os jogadores começaram a ver que a proposta do console Android enquanto plataforma fechada não era lá tão atraente assim. As vendas foram minguando e os desenvolvedores não tem se mostrado muito satisfeitos com isso.

Uma das alternativas para manter o Ouya vivo seria desprender a plataforma do console, transformando-a numa loja de jogos presente em diversos dispositivos. E agora a empresa dá o primeiro passo nessa direção ao fechar uma parceria com a Xiaomi, embora a princípio isso só beneficie a China.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Games Indústria Portáteis